Dica Saudável | Hibiscus e Matchá

16 Mar 2018

 

Hibiscus e Matchá

Função fitoterápica e fitoenergetica

 

 

Vamos falar sobre chá?

 

A segunda bebida mais consumida no mundo depois da água, o chá tem uma história deliciosa que começou na China há mais de cinco mil anos e que proliferou para os quatro cantos do mundo, onde continua a ser, ainda hoje, muito apreciado. 

 

O chá é uma bebida preparada através da infusão de folhas, flores, raízes de planta do chá, geralmente preparada com água quente. Cada variedade adquire um sabor definido de acordo com o processamento utilizado, que pode incluir oxidação, fermentação, e o contato com outras ervas, especiarias e frutos.

 

 

- CHÁ - Duas Funções Básicas

 

Toda erva, sem exceção, possui algum tipo de propriedade.  Em geral, nos acostumamos com aquelas características ensinadas pela sabedoria popular, que sempre nos oferece muita informação útil. Mas genericamente podemos destacar dois tipos de características ou funções dos chás de ervas, flores, frutas, folhas, sementes, cascas ou raízes.

 

- CHÁ E SUA FUNÇÃO FITOTERÁPICA - 

 

Aborda o princípio químico ativo presente na planta, que irá atuar na fisiologia humana, ou seja, no corpo físico. Para você usar a Fitoterapia, é importante que você saiba usar as plantas certas, nas quantidades corretas porque, embora esteja tomando algo natural, você irá tomar um remédio, e como tal, exige cuidados.

 

- CHÁ E SUA FUNÇÃO FITOENERGÉTICA -

 

É a função do chá relacionada ao poder oculto, ou à energia sutil da planta que atua na alma humana, no campo dos pensamentos, sentimentos, emoções e até no campo espiritual.

 

Hoje iremos apresentar dois famosos chás com diversas propriedades medicinais : o matchá e o hibiscus.

 

 

Matchá

 

O matchá é derivado da mesma planta que o chá verde. Por isso, para chegarmos ao matchá, vamos falar primeiro do chá verde, que acabou virando uma das bebidas mais ingeridas nas dietas por causa das suas propriedades termogênicas e antioxidantes.

 

O que você (talvez) não sabe sobre o chá verde…


O chá verde, assim como o oolong* e o chá preto, é derivado da camellia sinensis. uma estirpe vegetal de origem chinesa e que cresce principalmente em regiões tropicais e temperadas da Ásia, principalmente China, Índia, Sri Lanka, Japão e alguns países da África e América.

 

De acordo com o nível de oxidação da camellia sinensis, os chás são categorizados em três principais tipos: verde, oolong ou chá preto. Cada um dos níveis de oxidação dá um sabor diferente ao vegetal, além de tornar proeminente diferentes componentes bioativos, trazendo distintos benefícios terapêuticos para o organismo.

 

Na Fitoenergética, o Chá Verde ajuda a:

  • cortar relações sem gerar sofrimento;

  • desbloquear a fala (favorece o falar em público, estimula o poder da palavra);

  • eliminar mágoas do passado;

  • desbloquear a criança e a alegria interior; 

  • eliminar problemas circulatórios causados pela energia estagnada na tireoide.

 

No preparo do chá verde, a camellia sinensis sofre o mais baixo nível de oxidação, inclusive originalmente, o chá verde é feito a partir das folhas frescas, retiradas diretamente do arbusto.

 

Propriedades e benefícios do matchá

 

Muito bem, e onde entra o matchá nesta história toda?

O matchá é derivado da mesma planta do chá verde, então tudo isso que a gente falou vale para o matchá…

 

Mas então, qual a diferença?

Para o preparo do matchá, a camellia sinensis é cultivada pelo menos 90% do tempo na sombra, enquanto para o chá verde comum, ela cresce a maior parte do tempo sob a luz solar. Isso faz com que alguns componentes da planta tenham um nível de concentração muito maior no matchá, como é o caso do EGCG, ou epigallocatechin-3-gallate, o fitoquímico antioxidante que pode trazer uma série de benefícios para a saúde do cérebro e do coração, impedindo a ação dos radicais livres que aceleram o envelhecimento, além de ter efeitos preventivos contra o câncer, contribuir para equilibrar os níveis do colesterol e para a perda de peso.

 

Além disso, o modo de preparo também vai interferir nos resultados. Enquanto o chá verde é preparado a partir da infusão do extrato da planta na água, o matchá é preparado adicionando água às folhas secas pulverizadas.

 

Conclusão: o matchá possui pelo menos 100 vezes mais EGCG, com isso a ação dos antioxidantes e os demais benefícios são mais concentrados do que no chá verde comum.

 

Utilizado há séculos como medicamento curador de diversas doenças, o chá de matchá é rico em vitamina A, vitamina B, vitamina C, vitamina E e vitamina K, além de substâncias antioxidantes como a clorofila, catequina e polifenóis.

 

Outros benefícios são:

  • Devido aos antioxidantes, como o epigalocatequina, o Matchá também auxilia a prevenir o câncer. Seu antioxidante age como um combatente natural às células cancerígenas;

  • Ao tomar este chá, seus músculos agradecem, principalmente se você pratica exercícios frequentemente, pois ele ajuda na recuperação muscular;

  • E se colesterol é um medo constante, saiba que ele irá te ajudar com a redução dos níveis de colesterol ruim, por ser rico em fibras;

  • Vai te ajudar a manter a disposição, atenção e a aliviar o stress. Por conter a L-teanina, aminoácido estimulante para o cérebro.

  • Ajuda a diminuir a celulite;

  • Ajuda na retardação do envelhecimento devido aos polifenóis e os antioxidantes.

Além de outros benefícios. São tantos, não? Mas atenção, um chá poderia ser considerado um tipo de medicamento e, como tal, o chá matchá possui efeitos colaterais.

 

Efeitos colaterais do Chá Matchá

 

Se tomado em excesso, ou seja, além do recomendado, você poderá sofrer com:

  • Insônia;

  • Dor de cabeça;

  • Dor no estômago;

  • Irritação;

  • Diarreia;

  • Azia.

Tudo isso se dá por conta da grande concentração de cafeína, clorofila e antioxidantes. O número recomendado máximo, em gramas, de matchá que você pode tomar por dia sem medo é de 20g. Isso dá, aproximadamente, 05 xícaras por dia, mas uma antes do almoço já produz grandes efeitos.

 
Como preparar o matchá

 

Use 1.5 gramas de matchá para 70ml de água mineral. Ferva a água, deixe a água numa temperatura média de 75º e adicione o matchá. O matchá precisa ser vigorosamente misturado. Tradicionalmente, usa-se uma espécie de “escovinha”, como essa da foto.

 

* Oolong é um chá chinês tradicional, situado entre o chá verde e o chá preto em termos de oxidação. Na cultura do chá chinesa, os chás oolong semi-oxidados são coletivamente conhecidos como qīngchá.

 

 

Hibiscus

 

 

O hibisco, também conhecido como rosa-da-china, flor-de-graxa e outras denominações, é um arbusto semi-lenhoso, bianual ou perene, ereto ou ramificado conforme condução. Com origem controversa, África ou Asia, pode chegar a 3 metros de altura.

 

O chá de hibisco, assim como o Matchá (chá verde), tem propriedades medicinais, e com esse intuito tem sido cultivado no Brasil, mas também tem seus usos ornamental, têxtil e culinário.  

 

O hibisco  auxilia na perda de peso, no controle da pressão arterial e na prevenção de problemas no fígado. A parte utilizada desta planta são as suas flores, que podem servir para o preparo de chás e saladas. O chá de hibisco é rico em nutrientes como as vitaminas A, B1, B2 , C e minerais como o ferro. Possui, também, efeito diurético que ajuda a eliminar líquidos, evitando o inchaço do corpo.

 

Segundo pesquisas realizadas, esta bebida é capaz de reduzir a adipogênese, isto é, o acúmulo de gordura no corpo, principalmente nas regiões do abdômen e nos quadris. Acredita-se que isso é possível graças à ação antioxidante dos flavonoides antocianina e quercetina.

 

É importante ressaltar que, assim como qualquer outra dica para secar a silhueta, o resultado só aparece quando também há uma alimentação saudável e balanceada e a prática regular de exercícios físicos.

 

De acordo com Bruno G. Gimenes, no livro Fitoenergética:  A Energia das Plantas no Equilíbrio da Alma,  o hibisco:

 

“Elimina o excesso de consumismo material, o tabagismo, estimula a aproveitar da vida somente o que é real, ser realista, ter os pés no chão, saber amar coerentemente, sabendo dizer não quando for necessário. Também indicado para conseguir ter orgasmos na relação sexual e sentir os prazeres da vida”.

 

Outro atributos:

 

O hibisco é também misturado com óleos e usado por chineses e indianos para estimular o crescimento de cabelo e combater a caspa. É usado em forma de lavagem para tratar feridas e pomada para hemorroidas. É rico em vitamina C, ácido hibiscico, ácido tartárico e ácido málico. Na culinária, é usado em molhos picantes, caris, licores, vinhos e colorações de comida naturais. As folhas jovens podem ser cozidas.

 

O chá de hibisco tem propriedades energéticas para: 

  • Aumentar o amor e a libido tanto em homens quanto em mulheres. Essa função é mais bem aproveitada quando se toma um banho com infusão da planta; 

  • São utilizadas para remover obstruções do primeiro chakra (o chakra raiz ou chakra básico); 

  • Aumenta a concentração para a meditação; 

  • Excelente para a clarividência, é muito utilizado em banhos para quebra de feitiços e magias; 

  • Tem importância similar à flor de lótus em cerimônias sagradas, ajudando a purificar o coração, a mente e a alma;

  • Ajuda a eliminar o excesso de consumismo material, induz ao desapego; Ajuda a ser realista, ter os pés no chão;

  • Como uma flor ligada ao amor, à Deusa Vênus e a libido, é uma planta que traz o equilíbrio para as relações, evitando amores doentios e exagerados.

 

Como preparar este chá?

 

 

O chá de hibisco é  preparado com o cálice do botão seco da flor da planta.

Para prepará-lo, ferva 200 ml de água filtrada e acrescente de 4 a 6 gramas (equivalente a uma colher de chá) da flor seca. Deixe a infusão abafando por alguns minutos,indica-se 10min, coe e beba. Esta bebida pode ser tomada morna, fria ou gelada, conforme preferência pessoal.

 

A indicação de consumo é de um copo de 200 ml por dia.

 

Contraindicações e cuidados

Gestantes e lactantes devem evitar o chá de hibisco, pois alguns estudos apontaram que a bebida pode interferir na estrutura dos genes do bebê. Deve-se ter atenção com a quantidade ingerida, pois, em excesso, o consumo do chá de hibisco pode fazer com que o indivíduo elimine muitos eletrólitos, o que pode levar à desidratação.

 

Na Boaformula você encontra diversos chás a granel! Venha nos visitar!

 

A sua saúde em boas mãos.

 

 

 

Fontes: 

Gimenes, Bruno J. Fitoenergética: a energia das plantas no equilibrio da alma - Nova Petrópolis: Luz da Serra Editora, 2016, 8.ed.

Material dos Fornecedores

 

Boaformula

Manipulação e Suplementos Nutricionais

Porto Alegre | RS

 

 

 

 

Please reload

Gostou e quer encomendar?
         51 99702.5060
       

Beleza de dentro para fora. | SiliciuMax®

4 Jul 2019

1/6
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Fale Conosco

 

WhatsApp:  (51) 99702.5060

                  

                   

Fones:        (51) 3095.2001

                   (51) 3311.7898

 

Redes Sociais

  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone Blogger
  • Preto Ícone LinkedIn

Contato com Equipe de Vendas

boaformula@boaformula.com.br

 

Sugestões, Reclamações e Dúvidas

sac@boaformula.com.br

Venha Trabalhar Conosco!

trabalheconosco@boaformula.com.br

Endereço

Boaformula Farmácia de Manipulação

Av. Independência, 1163

Bairro Independência

Porto Alegre - RS - Brasil

CEP 90035-077

Advertência:
• Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado.
• Imagens ilustrativas.
• Pessoas com hipersensibilidade à(às) substância(s) não devem ingerir o produto.
• Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.
• Não use o medicamento com o prazo de validade vencido.
• Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da   luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.
• Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.
• Este medicamento não deve ser utilizado por gestantes e lactantes. 
• Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica.
• Os resultados dependem da correta utilização do produto, conforme descrito na posologia.
• Se persistirem os sintomas, o médico deverá ser consultado.

Venda mediante prescrição do profissional habilitado
As informações acima são de caráter informativo sem intenção de induzir a automedicação, não se trata de propaganda e sim descrição do produto, consulte sempre um profissional habilitado. 
O estabelecimento farmacêutico deve assegurar ao usuário informação e orientação quanto ao uso dos medicamentos solicitados por acesso remoto. RDC 44 de 17 de agosto de 2009, Artigo 58.

Boaformula

Farmácia de Manipulação e Suplementos Nutricionais

A sua saúde em boas mãos.

Porto Alegre | RS

CNPJ 94.629.169/0002-30