Já ouviu falar nas famosas "ites"? | O que são? | Como tratar?

18 May 2018

 

 

 

 

- Rinite, sinusite, amigdalite, faringite, laringite e bronquite -

O que são? Como tratar?

 

 

Entre junho e setembro, os problemas respiratórios proliferam >>


No frio, não só casacos e cachecóis das coleções de inverno saem às ruas. Também são moda na temporada o nariz que coça e escorre, a tosse, os espirros, as dores de cabeça, os arranhões na garganta… 

 

Logo que as temperaturas começam a baixar, algumas inflamações do sistema respiratório começam a aparecer. Mas você sabe diferenciar as inflamações mais comuns?

 

Os nomes são muitos, mas cada uma delas tem seus sintomas e seus tratamentos, por isso é muito importante ficar atento às características de cada uma para conseguir previni-las ou tratá-las, quando necessário.

 

Rinite


A rinite é o nome dado às inflamações da mucosa do nariz que têm como sintomas frequentes uma secreção clara que escorre, espirros, coceira e nariz entupido. Estas inflamações podem ser de origem infecciosa, como acontece no caso dos resfriados, ou podem ser desencadeadas por alergias a ácaros, mofo, poeira, pólen, umidade, entre outros. Se a origem da rinite for um resfriado, geralmente o tratamento é feito com descongestionantes, analgésicos e repouso. No caso da rinite alérgica, é necessário identificar a origem da alergia para prosseguir com um tratamento antialérgico. Uma rinite não tratada pode levar ao acúmulo de secreção e proliferação das bactérias que causam a sinusite.

 

 

Sinusite


A sinusite é uma inflamação da mucosa que reveste os seios da face — olhos, maçãs do rosto e ao redor do nariz. Essa inflamação deixa muco e secreção acumulada, facilitando a proliferação de bactérias. Esse muco acumulado na face leva à fortes dores no rosto, nariz entupido, sensação de cabeça pesada e até febre.

 

 

Amigdalite
As amígdalas, atualmente conhecidas por tonsilas palatinas, são duas estruturas arredondadas localizadas no fundo da boca que tem como função proteger a garganta e impedir que bactérias e germes entrem no nosso organismo. A inflamação das amígdalas, seja devido a vírus ou bactérias, dá origem a amigdalite, que tem como sintomas mais comuns a dificuldade para engolir, dor de garganta, dor de ouvido, dor de cabeça e febre. As amígdalas durante a infecção podem ficar mais vermelhas e com pus. Como a amigdalite é desencadeada por vírus e bactérias, alguns cuidados de higiene podem reduzir as chances de contaminação. Lavar as mãos com frequência, não compartilhar talheres e copos com pessoas com sintomas de gripe e resfriado são alguns destes cuidados.

 

 

Faringite


A faringite é o resultado da inflamação e inchaço da parte de trás da garganta, a faringe, que fica localizada entre as amígdalas e a laringe. Ela pode ser associada infecções virais ou bacterianas. Os sintomas são muito parecidos com a amigdalite, irritação na garganta, dor e febre. Alguns outros sintomas como coceira, sensação de boca muito seca e tosse também se destacam.

 

 

Laringite


A laringite é uma inflamação na laringe, região onde estão localizadas as cordas vocais, e que pode causar rouquidão ou perda da voz. A laringite pode ser causada por infecções virais, alergias, uso excessivo da voz ou até por inalação de fumo. A laringite pode ser aguda, com duração menor que 3 semanas, ou crônica, quando é superior a 3 semanas. Dor na garganta, rouquidão, perda da voz, e a sensação de ter que limpar a garganta frequentemente são os sintomas mais comuns, mas quando a laringite é de origem viral, coriza, espirros e tosse também podem surgir. Na laringite, além do uso de medicamentos indicados para cada caso, o repouso vocal é importante para recuperar a voz.

 

 

Bronquite


Os brônquios são como tubos que aquecem e umidificam o ar para transportá-lo até os pulmões. Quando o revestimento dos brônquios inflama, o espaço pelo qual o ar passa diminui, causando ataques de tosse, que podem apresentar muco ou não, e falta de ar. A bronquite aguda é geralmente uma infecção de origem viral como consequência de gripes ou resfriados, ou de exposição intensa à fumaça e poluição, durando apenas alguns dias. A bronquite crônica é essa irritação ou inflamação com duração de pelo menos três meses, de forma recorrente por pelo menos dois anos consecutivos. O uso do tabaco geralmente é associado ao surgimento da bronquite crônica. A tosse, a falta de ar e a dor no peito são os sintomas mais comuns da bronquite. No caso da bronquite aguda alguns outros sintomas como corrimento nasal, dores de cabeça, dores musculares e fadiga podem aparecer. O tratamento da bronquite depende da avaliação médica de cada caso, por isso é importante não utilizar nenhum medicamento para dissolver o muco sem recomendação profissional.

 

 

SUGESTÃO DE TRATAMENTOS

 

Composto homeopático : “ de igual para igual”

O que é a Homeopatia?

 

A Homeopatia é um método de tratamento que consiste em dar ao paciente, em doses diluídas e previamente dinamizadas, um produto natural- vegetal, animal ou mineral – que, empregado em doses ponderáveis com o objetivo de desencadear o sistema natural do corpo de cura.

 

A Homeopatia é baseada no princípio de que é possível tratar "de igual para igual", isto é, uma substância que provoca sintomas quando tomado em doses elevadas, podem ser usadas ​​em pequenas quantidades para tratar os mesmos sintomas. Por exemplo, o consumo de café em excesso pode causar sonolência e agitação, então de acordo com este princípio, quando feita em um remédio homeopático, ela pode ser usada para tratar pessoas com estes sintomas. Em outros termos, o método de aplicação medicamentosa baseia-se, pois, no principio da similitude, já enunciado por Hipócrates, posto em prática por inúmeros clínicos e experimentalmente confirmado por Samuel Hahnemann em sua forma atual, conhecida pelo termo geral homeopatia.

 

 

Linha Homeopática Boaformula

 

 

GRIPE  

 

>> Nosódio homeopático

Para prevenir: Gripes e Resfriados

Tomar em dose única.

Uma vez por mês, durante 3 meses.

  

 

PREVENIR A GRIPE

 

>> Composição Homeopática para Estados Gripais 

Fórmula homeopática indicada como preventivo e no tratamento de gripes. 

Como antigripal: 5 glóbulos - 2 vezes ao dia

Para estados gripais: 5 glóbulos  - 4 vezes ao dia

 

 

DOR DE GARGANTA E AMIGDALITES

 

>> Baryta Composta

Excelente medicamento homeopático para dor de garganta e amigdalites. 

Tomar: 5 gotas -  3 vezes ao dia, e em crise 3 gotas de hora em hora. è

 

 

RINITE ALÉRGICA

 

>> Composição Homeopática para Rinite

Indicada como preventivo e no tratamento da rinite alérgica.

Tomar: 5 globulos 3x ao dia e em crise 3 glob. de 2/2h.è

 

 

 

ASMA E BRONQUITE

 

>> Composição Homeopática para Asma e Bronquite

Indicada como preventivo e no tratamento de crises de asma e bronquite.

 Adulto:  5 glob. 3x/diaè

 Criança: 5 glob. 1x/dia

 

 

SINUSITE 

 

>> Composição Homeopática para Sinusite

Indicada como preventivo e no tratamento da sinusite.

Tomar 5 glóbulos 3x/dia

Em crise 3 glóbulos 2/2 horas.

 

 

Linha Weleda

 

A Weleda foi fundada na Suíça, em 1921. Em sua origem está o trabalho de Rudolf Steiner, filósofo austríaco que deixou contribuições em diversos campos da vida prática, e da dra. Ita Wegman, médica holandesa.

 

Hoje, o impulso inicial continua com a colaboração de médicos, farmacêuticos e pesquisadores de todo o mundo. Como grupo empresarial internacional, a Weleda está presente em 39 países, produzindo ou participando do mercado com uma vasta gama de medicamentos, cosméticos e chás.

 

A Missão corporativa do Grupo Weleda é estimular e inspirar o corpo e a mente com nossos produtos. Encorajar as pessoas a tirarem proveito da própria vitalidade e a encontrar o seu equilíbrio interior. Essa vitalidade e equilíbrio interior permitem fortalecer e recuperar a saúde interior e desenvolver a beleza autêntica.

 

Por acreditar nesta missão, a Boaformula incorpora os produtos da Weleda nas linhas de revenda.

 

Confira abaixo alguns produtos que você encontra na Farmácia Boaformula:

 

 

INFLUDORON 20G

Aconitum napellus D4

Bryonia alba D2

Eucalyptus globulus D2

Eupatorium perfoliatum D2

Ferrum phosphoricum D6 

Indicação: Infludoron é indicado como auxiliar no tratamento de gripes e resfriados, de enfermidades respiratórias inflamatórias agudas, na predisposição a resfriar-se, na coriza aquosa com obstrução nasal, cefaleia congestiva com febre, prostração durante a gripe e dengue.

 

 

RINIDON 50ML

ydrastis canadensis D4

Quercus robur TM 

Indicação: Rinidon é indicado no tratamento auxiliar da rinite, coriza e obstrução nasal. 

 

 

SINUDORON 80 COMPRIMIDOS

Berberis vulgaris D2

Hydrastis canadensis D4

Argentum nitricum D20

Atropa belladonna D6

Silicea D20 

Indicação: tratamento auxiliar de sinusites agudas e crônicas.

 

 

Linha Boiron

 

A Boiron foi fundada em 1932 em Lyon, França, pelos gêmeos e farmacêuticos, Jean e Henri Boiron.

A Boiron acredita que exista uma melhor maneira de se sentir bem. A melhor maneira de se trabalhar naturalmente com o seu corpo. Desde 1932, a família Boiron tem se comprometido com o desenvolvimento de medicamentos naturais.

Boiron, é uma companhia que distribui medicamentos homeopáticos para mais de 80 países e conta com aproximadamente 4000 colaboradores no mundo. Por mais de 80 anos tem se comprometido a financiar pesquisas cientificas e em educar o consumidor e profissionais da saúde sobre os benefícios dos medicamentos homeopáticos. Como companhia farmacêutica, a Boiron mantém os maiores padrões de produção, seguindo os regulamentos da ANVISA.

 

Tem como missão estimular a evolução dos cuidados com a saúde, promovendo a homeopatia com uma abordagem compassiva, ecológica e abrangente para a medicina.

 

Por acreditar nesta missão, a Boaformula incorpora os produtos da Boiron nas linhas de revenda.

 

Confira abaixo alguns produtos que você encontra na Farmácia Boaformula:

 

 

STODAL

 

Auxiliar no tratamento da tosse seca ou produtiva.

Promove o alívio da irritação da garganta e diminui a viscosidade das secreções facilitando a expectoração. (Contém sacarose)

 

Posologia

2 a 3 vezes ao dia >>
15ml adultos
5ml crianças maiores de 5 anos
2,5ml crianças menores de 5 anos

 

 

CORYZALIA

 

Auxiliar no tratamento das rinites e corizas em adultos e crianças a partir de 6 anos de idade. (Contém sacarose)

 

Posologia

Dissolver na boca 1 drágea a cada hora, sendo recomendada a ingestão máxima de 8 drágeas por dia. Indicado para adultos e crianças acima de 6 anos de idade.

 

 

OSCILLOCOCCINUM

 

Medicamento homeopático tradicionalmente utilizado no alívio de estados gripais, e dos sintomas decorrentes tais como febre, dores de cabeça, arrepios, dores musculares e afins, tanto para em adultos quanto em crianças. (Contém sacarose e lactose)

 

Posologia

 

Tratamento preventivo >> Tomar uma dose por semana, por via oral, no Outono (Abril à Junho), prevenindo a gripe no inverno.
 
Início dos sintomas da gripe >> Tomar uma dose por via oral assim que aparecerem os primeiros sintomas da gripe. Repetir eventualmente 2 a 3 vezes, a cada 6 horas de intervalo.
 
Estado declarado da gripe >> Tomar uma dose pela manhã e uma dose à noite, durante 1 a 3 dias, por via oral.

Se os sintomas persistirem após 3 dias de uso, consulte seu médico.

 

 

Tratamento com Aromaterapia

 

Os tratamentos médicos através de vacinação, imunoterapia, antibióticos, antialérgicos, corticóides e até cirurgias têm suas limitações e efeitos colaterais diversos variando de caso para caso.

 

Você já deve ter convivido com alguém que já tentou vários tratamentos, mas não teve um bom resultado.Por isso, métodos naturais comprovados como a Aromaterapia, vem ganhando popularidade no tratamento das doenças respiratórias.

 

Os óleos essenciais podem intervir em certos sintomas de maneira rápida e eficaz, muitos demonstram ação anti-inflamatória e imunomoduladora, ou seja, conferem uma melhora da resposta imunológica.

 

Alguns óleos essenciais ainda possuem ação mucolítica, broncodilatadora, expectorante e antialérgica.
 

O que é Aromaterapia?

 

O termo “Aromaterapia” é aplicado a um ramo da Fitoterapia. “Aroma” significa cheiro agradável e “terapia”, tratamento que visa à cura de uma indisposição mental ou física.É uma prática terapêutica que se utiliza das propriedades dos óleos essenciais 100% puros para restabelecer o equilíbrio e a harmonia pessoal.

 

Como funciona a Aromaterapia?

 

A Aromaterapia inicia-se no momento da escolha dos óleos essenciais que serão utilizados.

 

Podemos dizer que é um auxiliar aos tratamentos alopáticos ou homeopáticos, individualizado que visa o bem estar completo do indivíduo e suas necessidades pessoais. Para cada pessoa é necessário realizar uma avaliação, física e psicológica antes de definir qual caminho seguir.Os óleos escolhidos devem beneficiar não somente o físico que muitas vezes apenas está respondendo á problemas psicológicos ou emocionais.Todos esses benefícios podem ser recebidos através de massagens, águas  de banho, inalação, etc.

 

Quando falamos em inalação precisamos pensar que as propriedades desses óleos chegarão diretamente ao nosso sistema nervoso central o qual irá processar as informações e enviar sinais para todas as partes do corpo o quais irão executar as informações recebidas. Por exemplo, em um processo infeccioso, utilizamos a inalação de óleo de limão e tea tree, o cérebro receberá a informação para ativar a resposta imune do corpo ativando as células de defesa (glóbulos brancos principalmente) as quais se encaminharão para o local da infecção combatendo a mesma e restaurando a saúde do corpo.

 

Já quando utilizamos os óleos aplicados sobre a pele, os mesmos serão absorvidos através da derme e atuarão no local desejado. Aqui vale ressaltar a importância de sempre utilizar um carreador como os óleos vegetais que tem composição compatível com a derme facilitando a absorção dos mesmos.

 

 

>> Óleo essencial para combater rinite

 

Os óleos essenciais por serem substâncias altamente voláteis, penetram rapidamente em nosso nariz. Ao entrar pelas narinas, o ar contendo as moléculas dos óleos essenciais é aquecido, estas moléculas se dissolvem na mucosa nasal e se ligam aos receptores (cílios olfativos) e estes transmitem as informações aos nervos olfativos. Estes últimos retransmitem as informações ao sistema límbico, que é responsável pela percepção dos odores, sensações de prazer e dor, emoções e memória. As moléculas voláteis dos óleos essenciais também atingem o Sistema nervoso simpático e parassimpático do cérebro, que são responsáveis  por todo controle do resto do corpo.

 

Sendo assim, existem óleos essenciais que possuem maior afinidade com o sistema respiratório e pode trazer benefícios para o tratamento complementar das rinites alérgicas.

 

Alguns óleos devidos suas propriedades anti-sépticas são ótimos para serem usados na aromatização do ambiente, pois vão atuar eliminando ácaros, mofos e bactérias do ar antes que cheguem as narinas. Outros devem ser usados em inalações, massagens no peito e seios nasais.

 

Para aromatizar o ambiente >>

 

Tomilho, Eucalipto, Hortelã-pimenta, Alecrim, Limão

Colocar de 10 a 15 gotas dos óleos escolhidos em um difusor e adicionar um pouco de água.

 

 

Inalação >>

 

Camomila, Melissa, Lavanda, Limão e Eucalipto globulus

Pingar 2 ou 3 gotas dos óleos escolhidos em uma bacia com água quente. Colocar a cabeça próximo a bacia e cobrir com toalha.

 

 

Massagem no peito e seios nasais >>

 

Eucalipto globulus, Lavanda, Limão, Hortelã-pimenta

Diluir em 1 colher de sopa de óleo vegetal, à sua escolha, 3 a 5 gotas dos óleos essenciais escolhidos. Massagear o peito e as costas e as fossas nasais (laterais externas do nariz) sem deixar ir nos olhos.

Outras dicas aromaterápicas:

  • Pingar um gota de hortelã-pimenta em uma bolinha de algodão e colocar nas narinas aliviam os sintomas da rinite pois vasodilatam a região permitindo respirar melhor.

  • Dentro dos armários e guarda-roupas para evitar o mofo, pingar 1 gota de cravo em giz (sim esses de escrever em lousa) e colocar no fundo.

  • Fazer um spray anti-ácaros: colocar em uma embalagem spray 30ml de álcool de cereais, 70ml de água e 40 gotas total de alecrim, limão e eucalipto. Borrifar (não tão perto) o spray nas cortinas, sofás, tapetes. Cuidado para não manchar os tecidos.

  • Depois de limpar a casa, passar pano úmido no chão com algumas gotas de pinho e limão.

 

>> Óleos essenciais para combater a sinusite

 

Os óleos essenciais de eucalipto, melaleuca e hortelã pimenta são ótimos coadjuvantes no tratamento e alívio dos sintomas da sinusite. São óleos com propriedades bactericidas, fungicidas, antiviróticas, anti-inflamatórias, entre outras.

 

Óleo essencial de eucalipto (Eucalyptus globulus)
 

Este é o melhor para expectoração, é bronco dilatador, descongestionante e anti-inflamatório. Emocionalmente, traz otimismo, positividade, renovação e recomeço.

 

Contra indicação: não deve ser aplicado na pele diretamente e não pode ser aplicado na região do tórax. Em casos de congestão pulmonar, o indicado é aplicar o óleo diluído num óleo de massagem, na região das costas oposta ao tórax. O uso deste óleo deve ser mantido por, no máximo, uma semana, já que possui substâncias químicas que não devem ser inaladas por muito tempo.

 

 

Óleo essencial de melaleuca (Tea Tree) 
 

A melaleuca é uma planta que nasce em mangues e é eficiente contra bactérias, vírus e fungos. Não é a principal indicação para os casos de inflamações nasais, mas coadjuvante por fortalecer a imunidade e combater as impurezas presas nas vias aéreas. Emocionalmente, o óleo de melaleuca é sugerido para momentos de expurgo emocional, limpar pensamentos repetitivos e danosos para o indivíduo.

 

Contra-indicação: cuidado com o uso diretamente na pele e não ingerir.

 

 

Óleo essencial de hortelã pimenta (Menta piperita)
 

Este pode ser aplicado diretamente na região do tórax, em casos de congestão pulmonar, seu odor é refrescante e abre as vias aéreas, facilitando a troca de ar. O mentol é seu principal princípio ativo, sendo indicado para problemas respiratórios, febres e gripe.

 

Contra indicação: o óleo deve ser usado com moderação para não irritar a pele. Não utilizar junto com quinidina (medicamento para restabelecer o ritmo cardíaco).

 

Para o alívio dos sintomas da sinusite a inalação com 3 a 5 gotas do óleo essencial em um recipiente com água quente, cobrindo a cabeça com uma toalha, fechando os olhos e inalando o vapor por alguns minutos pode proporcionar um grande alívio e melhora.

 

 

Bolsa de água quente na região dos ossos pneumáticos e sal grosso

 

A bolsa de água quente na região dos ossos pneumáticos (ossos da face), associada a uma mistura de água e sal, ajudam a dissolver as secreções nasais facilitando a eliminação.

 

Faça inalação misturando 1 colher de chá de sal para cada litro de água; pingar algumas gotinhas no nariz também é eficaz. Manter a mucosa umidificada é uma forma de limpar as vias aéreas e prevenir o problema.

 

 

 

Combata a dor na garganta usando o Óleo Essencial de Melaleuca!

Óleo essencial de Melaleuca para tratamento contra laringite, faringite e amidalite.

Inflamações na garganta são capazes de “derrubar” qualquer um. Fica ruim para engolir, para falar, e pode até mesmo alterar o humor das pessoas mais tranquilas.

 

O que fazer nessas horas? Recorrer ao médico é o primeiro passo importante para o diagnóstico preciso, e só então, tomar as devidas providências para a imediata recuperação. Mas para a nossa grata surpresa, mais uma vez a natureza nos presenteia com plantas que curam. Você sabia que o Óleo Essencial de Melaleuca (Tea Tree) é superindicado para os casos de dor de garganta?

 

Por que utilizar o Óleo Essencial de Melaleuca contra a dor de garganta?

 

Esse  óleo é capaz de expulsar qualquer vírus alojado nessa região. Tudo isso, graças às propriedades antimicrobianas e antissépticas, imbatíveis do Óleo Essencial de Melaleuca.

 

“Uma das vantagens de se recomendar o Óleo Essencial de Melaleuca como antisséptico, é que é impossível para um micróbio infeccioso criar resistência a ele. O Óleo possui uma complexidade química tão grande, com mais de 100 componentes, que uma bactéria não consegue modificar seu sistema enzimático para lidar com isso”, revela Fabian László Flégner – Professor e pesquisador de Óleos Essenciais, ao site “Herbia”. Ainda segundo o especialista, o desenvolvimento de bactérias mais fortes aos remédios tem sido a principal causa das pessoas buscarem cada vez mais drogas pesadas e prejudicias para conter o mal desse tipo de doença. Sem dúvidas alguma, o Óleo Essencial de Melaleuca realiza uma verdadeira faxina na nossa garganta.

 

 

Como usar >>

Adicione de 1 a 2 gotinhas do Óleo Essencial de Melaleuca em um copo de água e faça um gargarejo de 2 a 3 vezes por dia. Você também pode aplicar uma gota do Óleo no pescoço, na região onde está localizada a garganta e realizar massagens suaves. Repita o procedimento, até a sua recuperação completa. 

 

A Aromaterapia é uma intervenção segura que também deve ser seguida por um estilo de vida saudável, em que se evite, nesses casos, o tabagismo e consumo de álcool.

 

Outros cuidados que devem ser tomados são: manter o ambiente domiciliar limpo, utilizar aspiradores com filtros especiais, evitar carpetes, tapetes, cortinas, animais domésticos peludos, bichos de pelúcia ou qualquer tipo de acumuladores de poeira. 

 

 

Aumentando a imunidade você consegue se manter protegido o inverno inteiro dessas enfermidades!

 

 

Composto Fitoterápico para Imunidade

 

Hoje as pessoas estão mais sujeitas a bactérias, fungos e vírus. A Boaformula desenvolveu uma composição que contém Echinácea e Própolis, ativos que associados melhoram a imunidade e agem no organismo evitando e tratando a ação dos microorganismos, em caso de gripes, resfriados, sinusites, rinites, asma e bronquite. Age também melhorando dores estomacais, pois o própolis protege o sistema digestivo da ação da Pilori.

 

Contém: Própolis e Echinácea.

 

Indicado tomar 2 cápsulas no café da manhã e 2 cápsulas a noite. Tratamento de 4 meses ao ano.

 

 

Composição Revigorante

 

A Boaformula desenvolveu esse suplemento vitamínico formulado para prevenir ou tratar carências em vitaminas ou minerais, indicado para fortalecer o sistema imunológico e para ajudar o corpo a produzir mais energia. Não possui açúcar, calorias, lactose ou glúten na sua composição.

 

Contém: Cobre, Ácido Lipoico, Magnésio Ascorbato, Selênio Quelado, Picolinato de Cromo, Silício Orgânico, NAC, Manganês, Zinco Quelado, Quercitina, Coenzima Q10, Ácido Fólico, Vit B1, Vit B12, Nicotinamida, Pantotenato de Cálcio, Vit B6, Vit B2, Vit E, Silimarina, Potássio Quelado.

 

Indicado tomar 2 cásulas no café da manhã.

 

 

 

Probacillus -  Sem precisar manter em geladeira

 

Pool de Lactobacilos que agem melhorando a absorção dos nutrientes e toda produção de Complexo B, além de estimular a produção de lactase. Indicado em caso de gripes, resfriados, sinusites, rinites, asma e bronquite. Hoje com estudos em casos de problemas de pele como dermatites. Tem ação protetora contra a ação da Eschericia Coli e Salmonelas. Indicado em casos de diarréia.

 

Contém: Probacillus e FOS.

 

Indicado tomar 1 cápsula à noite. Tratamento de 4 a 6 meses.

 

 

 

Vitamina C

 

Vitamina C ou Ácido ascórbico é uma vitamina que nosso organismo não consegue produzir. 

Ela é encontrada em vários alimentos. Seu uso é indicado por sua ação antioxidante potente, eliminando os efeitos de radicais livres e agrotóxicos, melhorando a imunidade.

 

Contém: Vitamina C e Bioflavonóides.

 

Indicado tomar 1 dose(2cáps) 1 a 2 vezes ao dia.

 

 

Leia mais sobre homeopatia nos links abaixo >>

 

https://www.boaformula.com/single-post/2018/01/19/Homeopatia-de-igual-para-igual

 

https://www.boaformula.com/homeopatia

 

Leia mais sobre imunidade aqui.

 

 

 

A sua saúde em boas mãos o ano todo!

 

 

Fonte >> Farmacêutica Responsável

 

 

Boaformula

Manipulação e Produtos Naturais

Porto Alegre | RS

Please reload

Gostou e quer encomendar?
         51 99702.5060
       

Beleza de dentro para fora. | SiliciuMax®

4 Jul 2019

1/6
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Fale Conosco

 

WhatsApp:  (51) 99702.5060

                  

                   

Fones:        (51) 3095.2001

                   (51) 3311.7898

 

Redes Sociais

  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone Blogger
  • Preto Ícone LinkedIn

Contato com Equipe de Vendas

boaformula@boaformula.com.br

 

Sugestões, Reclamações e Dúvidas

sac@boaformula.com.br

Venha Trabalhar Conosco!

trabalheconosco@boaformula.com.br

Endereço

Boaformula Farmácia de Manipulação

Av. Independência, 1163

Bairro Independência

Porto Alegre - RS - Brasil

CEP 90035-077

Advertência:
• Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado.
• Imagens ilustrativas.
• Pessoas com hipersensibilidade à(às) substância(s) não devem ingerir o produto.
• Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.
• Não use o medicamento com o prazo de validade vencido.
• Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da   luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.
• Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.
• Este medicamento não deve ser utilizado por gestantes e lactantes. 
• Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica.
• Os resultados dependem da correta utilização do produto, conforme descrito na posologia.
• Se persistirem os sintomas, o médico deverá ser consultado.

Venda mediante prescrição do profissional habilitado
As informações acima são de caráter informativo sem intenção de induzir a automedicação, não se trata de propaganda e sim descrição do produto, consulte sempre um profissional habilitado. 
O estabelecimento farmacêutico deve assegurar ao usuário informação e orientação quanto ao uso dos medicamentos solicitados por acesso remoto. RDC 44 de 17 de agosto de 2009, Artigo 58.

Boaformula

Farmácia de Manipulação e Suplementos Nutricionais

A sua saúde em boas mãos.

Porto Alegre | RS

CNPJ 94.629.169/0002-30