Dica Saudável | Bolo de cenoura com calda de chocolate

24 Aug 2018

 

 

 

Bolo de cenoura sem glúten e com calda de chocolate!

 

 

Doces também são permitidos para quem está em busca de uma alimentação equilibrada e saúdavel. Basta fazer a opção certa. Indicamos uma receita de bolo de cenoura vegano, com ingredientes funcionais e baixa carga glicêmica. Tome nota e coma sem culpa! 

 

Comer bem traz um monte de benefícios para a saúde de uma maneira geral. Mas os conceitos de alimentação saudável e dieta alimentar, embora pareçam bem semelhantes, estão separadas por uma linha tênue. Entretanto, é possível encontrar o equilíbrio escolhendo um cardápio mais nutritivo. Tudo isso, com ajuda de um nutricionista e dependendo das necessidades que o seu organismo apresenta.

 

 

A definição de dieta alimentar

 

De acordo com nutricionistas, a dieta é voltada para regimes especiais, como diminuir o impacto de certas doenças: pressão alta, intolerância ao glúten ou à lactose e diabetes, por exemplo. Trata-se de uma mudança nos hábitos alimentares, que ensina o modo de comer bem de acordo com as necessidades do seu corpo. Por outro lado, sem acompanhamento de um profissional, dietas podem ser extremas e prejudicar bastante o seu corpo, levando a sérios problemas, como distúrbios alimentares.

 

 

Alimentação saudável, o que é de fato?

 

Agora, ter uma alimentação saudável não está totalmente ligada em seguir uma dieta, mas, sim, em encontrar o equilíbrio da sua maneira de comer. Aqui, não existe nenhuma restrição, porém, é importante evitar o consumo excessivo de alimentos muito gordurosos ou açucarados que, com o tempo, acabam prejudicando a sua saúde. A dica é sempre preferir ingredientes naturais e frescos!

 

Além disso, é importante ter o acompanhamento de um nutricionista e complementar a alimentação com a prática de atividades físicas. Assim, você terá uma rotina muito mais saudável e gostosa de viver.

 

 

RECEITA BOLO DE CENOURA COM CALDA DE CHOCOLATE

 

 

Massa do bolo

 

Ingredientes

 

- 2/4  xícaras de farinha de aveia (sem glúten);

- ¼ xicara de farinha de arroz;

- ¼ xícaras de farinha de amêndoas;

- ¼ xícara de fécula de batata;

- ¼ xícara de polvilho doce;

- 1 colher de sopa de psyllium;

- 1 colher de sopa de semente de chia;

- ½ xícara de xylitol, açúcar de coco ou açúcar demehara;

- ½ xícara de óleo de coco;

- 1 colher de sopa de vinagre de maçã ou suco de limão;

- 1 cenoura grande (160g);

- 1 colher de chá de bicarbonato ou 1 colher de sopa de fermento (ler abaixo sobre*);

- uma pitada de sal rosa do himalaia.

 

 

Modo de preparo

 

Pré aqueça o forno a 200 graus por aproximadamente 30 minutos.

 

No liquidificador, bata a cenoura com a água e o açúcar/xylitol até ficar uma mistura homogênea. Adicione o óleo de coco (líquido) e o psyllium, misture e reserve.

 

Em um pote deixe por 15 minutos a semente de chia hidratando até ela soltar uma mucilagem de sua semente, isso irá ajudar o seu bolo dar liga.  

 

Em uma tigela, misture os secos (exceto o fermento ou o bicarbonato) e acrescente o líquido aos poucos. Misture bem e no final pode adicionar o vinagre/limão e o fermento.

 

Despeje a massa em uma forma untada com óleo de coco e açúcar de coco. Temperatura e tempo podem variar de forno a forno, importante cuidar e adaptar o tempo e a temperatura para o seu em casa. Faça o teste do palito, se sair seco, está pronto!

 

 

*Qual a diferença entre bicarbonato de sódio e fermento?

 

Ambos têm o mesmo propósito, fazer nossas massas crescerem, ficaram cheias de ar, super leves e fofas. Sendo o bicarbonato de sódio um elemento puro e o fermento uma mistura do próprio bicarbonato de sódio com outras substâncias químicas (basicamente ácido e amido).

 

Para agir e fazer uma massa crescer, o bicarbonato de sódio precisa entrar em contato com algum tipo de ácido (limão, vinagre, soro de leite, etc.). Enquanto o fermento já leva em sua composição o bicarbonato e um ácido em forma seca, que em geral, é ativado em duas etapas: uma quando em contato com algum líquido e outra quando chega a determinada temperatura.

Disso, podemos concluir que quando usamos bicarbonato de sódio temos maior controle sobre o tempo (e momento) de fermentação, então, se você está preparando uma receita que fica pouco tempo no forno (como um biscoito), o bicarbonato é a melhor opção, pois no momento que é colocado em contato com limão, por exemplo, já começa a agir, sem depender do calor para ser ativado. Já no caso de um bolo de chocolate, que normalmente não leva ingredientes ácidos e o tempo de cocção é maior, o fermento é a melhor opção.

 

Mais algumas curiosidades: Para saber se seu fermento está funcionando, misture uma colher dele em um copo d’água, se não borbulhar, perdeu o efeito e deve ser descartado.

 

O bicarbonato de sódio é bem menos sensível do que o fermento e dura bem mais, mas se quiser testá-lo, basta misturar um pouco em um copo com vinagre, se borbulhar está bom.

 

 

Calda de chocolate

 

Opção 1

 

Derreta 100g de chocolate 70% em barra (sem leite na composição) e misture leite vegetal quente até ficar na conscistência que você preferir. Pronto, um ganache maravilhoso!

 

Opção 2

 

Ingredientes

 

- 1 xicara de leite vegetal (abaixo ensinamos a fazer o leite vegetal de aveia)

- 2 colheres de sopa de açúcar de coco

- 2 colheres de sopa de cacau 100%

- 1 colher de sobremesa de óleo de coco

 

Modo de preparo

 

Levar ao fogo alto misturando bem ate ficar no ponto de sua preferência. Se deixar tempo suficiente fica com consistência de brigadeiro.

 

 

>> Receita leite vegetal de aveia

 

O leite de aveia é um dos leites vegetais mais fáceis (e baratos!) de serem feitos em casa. O processo é super rápido e ele tem gosto neutro, podendo ser utilizado em diversas receitas como substituto do leite convencional.

 

A aveia contém um carboidrato chamado beta-glucano que:


– retém água (por isso esse leite tende a ser mais espesso que os demais)
– faz com que aquele mingau fique super cremoso e os bolos fofinhos
– ajuda a baixar o nível de colesterol 

 

Também são cheias de compostos antioxidantes e fibras solúveis que reduzem a absorção de açúcar no sangue. 

 

Rendimento: 4-5 copos
Tempo: 20 minutos (molho), 15 minutos (preparo)
Cozinha: sem lactose; sem glúten, vegana

 

INGREDIENTES

  • 1 xícara de aveia

  • 2 xícaras de água filtrada*

  • Uma pitada de sal

INSTRUÇÕES

 

  1. Deixe a aveia de molho por mais ou menos 20 minutos (se ficar mais tempo é ainda melhor!). Depois que amolecer, coe e jogue a água do molho fora. 

  2. Coloque a aveia no liquidificador com 2 xícaras de água filtrada e uma pitadinha de sal (a proporção é sempre 1 xícara de aveia, 2 de água). 

  3. Bata até atingir uma consistência mais grossa. Coe com um coador e um pano fino limpo para não deixar passar tanto os resíduos do leite. Guarde na geladeira por até 4/5 dias, mas é melhor se consumido fresco.

♦ Opcional: para deixar o leite mais saboroso você pode colocar gotas de essência de baunilha, algumas tâmaras (deixe elas de molho com um pouco de água fervendo por apenas 3 minutos e depois adicione ao liquidificador), e qualquer outro tempero: eu adoro adicionar cardamomo ou canela. 
♦ Caso prefira um leite mais líquido, adicione mais água. Algum resíduo costuma ficar no fundo do compartimento. Agite bastante antes de beber.
♦ O resíduo do leite é uma boa fonte de fibras solúveis. Guarde para utilizar em outras receitas!

 

 

Beneficios dos ingredientes que você encontra na Boaformula!

 

 

Farinha de Amêndoas

 

 

A farinha de amêndoas tem bem menos carboidratos e mais nutrientes, do que a farinha de trigo branca, além de apresentar um sabor mais adocicado e oferecer muitos benefícios à saúde. Neste conteúdo, será mostrado a farinha de amêndoas como uma alternativa saudável para nossas receitas e para fazer parte de nossa alimentação.

  1. A farinha de amêndoas tem muitos compostos solúveis em gordura que atuam como antioxidantes no nosso organismo, evitando a ação dos radicais livres.

  2. A vitamina E contida nesta farinha tem propriedade rejuvenescedora e regeneradora para o organismo.

  3. O magnésio, outro nutriente que faz parte da farinha de amêndoas contribui para a redução na resistência à insulina, menor pressão arterial e controle do açúcar no sangue.

  4. A farinha de amêndoas tem poucos carboidratos, muita gordura boa e fibras, tendo por isso baixo índice glicêmico.

  5. É uma boa opção de farinha para pessoas com doença celíaca ou com intolerância ao trigo, que não podem consumir alimentos com glúten.

  6. O consumo de farinha de amêndoas contribui para evitar o aumento do colesterol LDL (o "ruim").

  7. Fazem parte dos nutrientes da farinha de amêndoas a vitamina B 2, o fósforo, tornando-a ainda mais saudável para o corpo e para a mente.

  8. Ajuda a emagrecer e promove a sensação de saciedade, devido as fibras, proteínas e gorduras não saturadas que fazem parte de sua composição.

  9. É uma opção de farinha com baixo carboidrato e baixo índice glicêmico, ideal para manter o peso.

  10. Possui bom nível energético por conter nutrientes como o cobre, o manganês e a riboflavina e por ter uma boa quantidade de em proteína, sendo uma boa opção alimentar para quem pratica atividades físicas ou precisa repor a energia.

A farinha de amêndoas pode fazer parte de nossa alimentação de forma variada, enriquecendo as receitas e refeições com seu sabor suave e valor nutricional.

 

Segue uma lista de sugestões de alimentos onde é possível incluir a farinha de amêndoas como ingrediente principal ou como substitutivo da farinha de trigo:

  • Cupcakes

  • Biscoitos doces

  • Cookies de chocolate

  • Macarons

  • Brownie de chocolate

  • Cuscuz doce

  • Bolos com frutas

  • Bolo de chocolate

  • Bolinho de chuva

  • Pão doce

  • Panqueca

Outras alternativas de consumir a farinha de amêndoas em nossa alimentação pode ser das seguintes formas:

  • em saladas

  • na forma de farofa

  • como ingrediente de omelete vegetal

  • salpicando em pratos salgados

  • adicionando em granolas

  • utilizando em vitaminas ou saladas de frutas

 

Aveia em flocos

 

 

Os inúmeros benefícios da aveia são consequência das suas excelentes propriedades nutricionais. Ela é rica em fibras solúveis e insolúveis e em minerais como manganês e molibdênio, fósforo, magnésio, cobre, cromo e zinco. Possui ainda vitamina B1, biotina e uma proporção alta de proteínas quando comparada a outros alimentos de origem vegetal. É fonte de betaglucana, uma fibra solúvel que pode auxiliar no controle do colesterol e na prevenção de uma séria de doenças, além de colaborar com o bom funcionamento e saúde do sistema gastrointestinal.

 

Cerca de 40g de aveia (2 colheres de sopa cheias) fornecem 140 calorias distribuídas entre carboidratos (23 g), proteínas (6 g) e gorduras (3 g). Contém ainda quase 4 g de fibras alimentares, que correspondem a 15,5% dos valores diários (VD) desse nutriente; 96% VD de manganês, 64% VD de molibdênio, 29% VD de fósforo, 27% VD de cobre e 26 e 25% dos VD de biotina e vitamina B1 respectivamente.


Aveia em flocos: se trata dos grãos inteiros da aveia apenas prensados, por isso, essa versão conserva todos os nutrientes e fibras do grão. Podem ser encontrados como flocos finos ou regulares, mas eles diferem apenas no tamanho e têm as mesmas propriedades nutricionais. Por estar na forma de flocos, pode ter menos versatilidade no momento de adicioná-los a diferentes receitas.
 

 

Óleo de coco

 

O óleo de coco é uma ótima opção para substituir o óleo vegetal convencional na cozinha, possui diversos benefícios como:

  • Ajuda na proteção do sistema imunológico.

  • Por diminuir o LDL (colesterol ruim) e aumentar o HDL (colesterol bom), ajuda a proteger a saúde cardiovascular, pois realiza um tipo de limpeza da gordura que circula no sangue.

  • Ajuda no bom funcionamento da tireoide (estrutura localizada no pescoço que produz hormônios como a tiroxina, que age na regulação da taxa do metabolismo e afeta o aumento da taxa funcional de vários outros sistemas do corpo), evitando que o metabolismo se desequilibre.

  • Previne doenças nos ossos como a osteoporose, pois os mantêm fortes.

  • Diminui sintomas de ressaca, protegendo o fígado dos efeitos tóxicos do álcool através de ações antioxidantes.

  • Contém fitormônios, principalmente na água, podendo ajudar na prevenção de doenças neurodegenerativas (quando ocorre a destruição irreversível de neurônios, como acontece no mal de Alzheimer e na amnésia) e prevenir o câncer de mama.

  • Para quem tem diabete, a gordura do coco é muito boa, pois dá uma sensação de saciedade, contribuindo assim na compulsão temporária por doces e carboidratos.

 

Xylitol 

Xylitol é um adoçante natural com o mesmo poder adoçante do açúcar, com quase metade das calorias e com baixo índice glicêmico. O Xilitol é um adoçante de fonte natural, encontrado nas fibras de muitos vegetais, como milho, bétula (vidoeiro), framboesa, ameixa, bagaço de cana de açúcar, entre outros, inclusive de algumas espécies de cogumelos. É um substituto do açúcar, que ao mesmo tempo é nutritivo e benéfico para a saúde.

 

O adoçante xilitol contém propriedades bastante particulares que conferem a ele diversos pontos positivos.Por ser anticariogênico, ele tem o poder de inibir o crescimento de bactérias, reduzindo a formação de cáries. As bactérias não conseguem metabolizar o xilitol, e nessa tentativa, mesmo gastando muita energia, acabam intoxicadas e não se desenvolvem.

 

Uma segunda característica relevante do xilitol é ser independente do hormônio insulina, por isso bem tolerado por diabéticos. Absorvido lentamente, ele não causa alterações rápidas nos níveis de glicose no sangue. Além disso, a glicose formada a partir de seu metabolismo não é diretamente liberada na corrente sanguínea.

 

O Xilitol também tem como característica, agir como um conservante de produtos alimentícios, mesmo em baixas concentrações. Promove resistência ao desenvolvimento de microrganismos ampliando a vida de prateleira desses produtos.

 

 

Açúcar de coco

 

Cheio de vitaminas, o açúcar extraído do coco é um ótimo substituto do açúcar comum. Embora com a mesma quantidade de calorias do que o açúcar refinado, o índice glicêmico do açúcar de coco é mais baixo, logo as chances de estocar aquelas gordurinhas indesejáveis diminui.

 

  1. Grande valor nutricional, fonte de vitaminas B1, B2, B3 e B6 que participam de diversos processos metabólicos, como a produção de energia.

  2. Rico em minerais, como o potássio, zinco, ferro e magnésio, que tem poder antioxidante podendo regular alguns dos nossos mecanismos fisiológicos.

  3. Baixo índice glicêmico, fazendo com que a liberação de energia no organismo ocorra de forma mais lenta e assim evitando os picos de glicemia no sangue. Enquanto o açúcar refinado possui um IG (índice glicêmico) de 68, o açúcar de coco possui um IG de apenas 35.

  4. Pode ser usado por todos, inclusive para diabéticos que estejam com a glicemia controlada, por conta do seu baixo índice glicêmico.

  5. Possui em sua composição uma fibra chamada Inulina, que faz com que a absorção de glicose seja mais lenta.

 

 

Psyllium

 

A psyllium é uma fibra natural que passou  a ser consumida em território norte americano há cerca de 75 anos, onde se disseminou para os outros cantos do mundo. Com alta capacidade de absorção de água( graças à sua característica higroscópica) a psyllium (Plantago psyllium), também conhecido como psilium, é obtida por meio da semente e compreende as espécies Plantago ovata, Plantago arenaria e Plantago indica. Pertence a família Plantaginaceae.

 

Atualmente, a Psyllium é um dos mais eficazes laxantes naturais, uma vez que é extremamente rica em fibras, tanto solúvel como insolúvel.

O psyllium é uma fibra solúvel usada principalmente como laxante em vários medicamentos tradicionais e naturais e pode ajudar a diminuir o colesterol, aliviar a prisão de ventre e diarreia, além de tratar a síndrome do intestino irritável, hemorroidas e outros problemas intestinais. Também pode ajudar a regular os níveis de açúcar no sangue em pessoas com diabetes. O psyllium emagrece e pode ser um excelente remédio natural para quem deseja perder peso, vez que as fibras tendem a inchar em contato com a água, criando uma sensação de saciedade no organismo e consequentemente moderando o apetite.

 

 

Chia 

 

 

A chia possuem cerca de um terço de proteínas, um terço de fibra solúvel dietética e o restante de óleo essencial, que por sua vez possui concentração de dois terços de ácido graxo ômega-3. São originárias da planta Salvia hispanica, da Colômbia, da Guatemala e do sul do México. As sementes podem ser brancas, cinzentas, castanhas ou pretas.A semente também é rica antioxidantes e aminoácidos, além de não conter glúten. Ela  absorve mais de nove vezes seu peso em água, retarda a digestão e a liberação de açúcares no organismo, além de proporcionar uma prolongada sensação de saciedade.
 

Considerado um superalimento,as sementes e chia são ricas ferro, magnésio e outras vitaminas e minerais, como o cálcio, que fortalece os ossos e beneficia toda a estrutura óssea, vez que também contém boro, que promove a melhor absorção de cálcio pelo organismo.

 

 

 

Sal do Himalaia

 

Você já ouviu falar sobre o incrível cristal de sal que vem diretamente das montanhas do Himalaia? É embalado com alguns benefícios bastante surpreendentes e é um novo ingrediente surpreendente para adicionar a sua despensa. É uma alternativa absolutamente maravilhosa ao sal de mesa, e logo explicarei o porquê.

 

A história - Primeiro de tudo, o que faz o sal de cristal do Himalaia ser tão incrível? Cerca de 200 milhões de anos atrás, havia camas cristalizadas de sal que foram cobertas com lava. Sendo mantidas nesse ambiente intocado e imaculado que foi cercado por neve e gelo durante tantos anos significa que o sal foi protegido da poluição moderna. Muitas pessoas acreditam que este sal rosa é o mais puro sal que pode ser encontrado no planeta.

 

Minerais e energia - O sal do Himalaia contém os mesmos 84 minerais e elementos que são encontrados no corpo humano, que por si só é bastante impressionante! Alguns destes minerais incluem: o cloreto de sódio, sulfato de cálcio, potássio e magnésio. Ao utilizar este sal, na verdade você está recebendo menos ingestão de sódio por porção do que o sal de mesa regular, porque é menos refinado e as peças são maiores. Portanto o sal do Himalaia tem menos sódio por porção, porque os cristais ou flocos ocupam menos espaço do que o sal de mesa que é uma variedade altamente processada. Outra coisa legal sobre este sal é que por causa de sua estrutura celular ele armazena energia vibracional. Os minerais deste sal existem na forma coloidal, o que significa que eles são pequenos o suficiente para as nossas células para os absorver facilmente.

 

Quais são exatamente os benefícios?

 

Alguns dos benefícios que você pode esperar por consumir este sal no lugar do sal de mesa regular incluem:

  • Auxilia na saúde vascular;

  • Ajuda pulmões saudáveis e função respiratória;

  • Promove o equilíbrio do pH estável dentro das células;

  • Reduz os sinais de envelhecimento;

  • Promove padrões de sono saudável;

  • Aumenta a libido;

  • Previne cãibras musculares;

  • Aumenta a hidratação;

  • Fortalece os ossos;

  • Reduz a pressão arterial;

  • Melhora a circulação;

  • Desintoxica o corpo de metais pesados.

 

 

BOM APETITE E BOM FINAL DE SEMANA!

 

A sua saúde em boas mãos.

 

Boaformula

Manipulação e Produtos Naturais

Porto Alegre | RS

Please reload

Gostou e quer encomendar?
         51 99702.5060
       

Meratrim® | Diminuição das Medidas de Cintura e Quadril

15 Jan 2020

1/6
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Fale Conosco

 

WhatsApp:  (51) 99702.5060

                  

                   

Fones:        (51) 3095.2001

                   (51) 3311.7898

                   (51) 3311.1144

 

Horário de Funcionamento

Segunda à Sexta

8:30 às 18:00

Sábado

9:00 às 13:00

Redes Sociais

  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone Blogger

Contato com Equipe de Vendas

boaformula@boaformula.com.br

 

Sugestões, Reclamações e Dúvidas

sac@boaformula.com.br

Venha Trabalhar Conosco!

trabalheconosco@boaformula.com.br

Endereço

Boaformula Farmácia de Manipulação

Av. Independência, 1163

Bairro Independência

Porto Alegre - RS - Brasil

CEP 90035-077

Advertência:
• Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado.
• Imagens ilustrativas.
• Pessoas com hipersensibilidade à(às) substância(s) não devem ingerir o produto.
• Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.
• Não use o medicamento com o prazo de validade vencido.
• Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da   luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.
• Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.
• Este medicamento não deve ser utilizado por gestantes e lactantes. 
• Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica.
• Os resultados dependem da correta utilização do produto, conforme descrito na posologia.
• Se persistirem os sintomas, o médico deverá ser consultado.

Venda mediante prescrição do profissional habilitado
As informações acima são de caráter informativo sem intenção de induzir a automedicação, não se trata de propaganda e sim descrição do produto, consulte sempre um profissional habilitado. 
O estabelecimento farmacêutico deve assegurar ao usuário informação e orientação quanto ao uso dos medicamentos solicitados por acesso remoto. RDC 44 de 17 de agosto de 2009, Artigo 58.

Boaformula

Farmácia de Manipulação e Suplementos Nutricionais

A sua saúde em boas mãos.

Porto Alegre | RS

CNPJ 94.629.169/0002-30