Go BHB | Troca-se Gordura por Energia

17 Oct 2018

 

 

Go BHB™ (Compound Solutions / EUA)

Energia cetônica para mente, corpo e performance.

 

Nome científico: β-hidroxibutirato sódico; β-hidroxibutirato cálcico; βhidroxibutirato magnésio.

 

Uma fonte alternativa de combustível para o organismo são os corpos cetônicos, nomeados acetoacetato, acetona e β-hidroxibutirato. O metabolismo dos corpos cetônicos é um método de sobrevivência do organismo durante a redução da disponibilidade de glicose ou crise metabólica. Os corpos cetônicos são produzidos no fígado, sendo subprodutos do metabolismo dos ácidos graxos livres (FFAs), resultantes de estados fisiológicos e nutricionais, como durante um jejum prolongado, fome, dieta cetogênica e músculo esquelético em exercício. Dessa forma, a privação relativa de glicose e elevação concomitante dos FFAs resultam na produção de corpos cetônicos para substituir a glicose na produção de energia nos tecidos periféricos como cérebro, coração e músculo esquelético.

 

De forma mais detalhada como ilustrado abaixo, no fígado, os FFAs são convertidos a Acil-CoA, que participa da β-oxidação e é convertido a Acetil-CoA. Esta molécula pode ser utilizada no ciclo de Krebs (TCA) para gerar energia ou ser convertida até o corpo cetônico Acetoacetato (AA) e, finalmente, a β-hidroxibtirato (β-OHB), dos quais serão transportados através da corrente sanguínea para os diferentes tecidos, principalmente cérebro, músculo e coração. Nestes tecidos, os corpos cetônicos são convertidos a Acetil-Coa, participando do TCA para a produção de energia (ATP).

 

 

 

Este mecanismo está presente na dieta cetogênca, pois é uma estratégia nutricional composta por alta quantidade de gorduras e baixas quantidades de proteínas e carboidratos, resultando na limitação do uso do metaboismo da glicose, “forçando” o organismo a utilizar a energia da gordura e, consequentemente, produzindo os corpos cetônicos.

 

As vantagens da utilização dos corpos cetônicos já estão descritas. Quando presentes, os corpos cetônicos não agem somente como combustível para a produção de ATP, mas também como sinais para a regulação e mobilização de substratos energéticos, fornecem uma fonte de carbono oxidável, conservando as reservas preciosas de glicose enquanto simultaneamente satisfazem as demandas dos outros tecidos e, quando utilizados, demonstraram reduzir a produção de espécies reativas de oxigênio (ROS) na mitocôndria, além de promover vantagens termodinâmicas com relação aos outros substratos por aumentar a energia livre (ΔGATP) durante a fosforilaçao oxidativa.

 

Porém, mesmo com tais vantagens, para atingir a cetose de forma efetiva com a dieta cetogênica, é necessário um tempo de adaptação, período chamado de cetoadaptação e, ao ser atingida, manter o organismo em cetose é uma tarefa difícil, visto que mesmo uma quantidade pequena de proteína ou carboidrato pode inibir a cetogênse. Além disso, as dietas cetogênicas são consideradas pouco palatáveis e as vezes desconfortáveis para o trato gastrointestinal, justamente por serem compostas majoritariamente por gorduras (~80-90%) e pela restrição de carboidratos e proteínas (somando ~10-20%), além de estarem associadas à elevação dos níveis de colesterol e lipídeos no sangue.

 

Sendo assim, o desenvolvimento de suplementos de cetonas é uma maneira de elevar as concentrações sanguíneas de β-OHB, resultando em uma cetose nutricional sem a necessidade de estratégias alimentares radicais, como um jejum prolongado e a dieta cetogênica. Dessa forma, pode-se obter os benefícios da utilização de corpos cetônicos no metabolismo através da utilização de cetonas exógenas, como o Go BHB™.

 

 

DEFINIÇÃO DO ATIVO

 

O Go BHB™ é uma substância cetônica (beta-hidroxibutirato) sintética, apresentada na forma um blend de sais em uma mistura única e balanceada de cálcio, sódio e magnésio. Go BHB™ é um substrato metabólico utilizado pelo organismo para a produção de energia, além de potencializar dietas restritas, o desempenho físico e mental.

 

 

MECANISMO DE AÇÃO

 

Go BHB™ age como a molécula de β-OHB endógena e, portanto, quando administrado é liberado para a circulação e transportado para o citosol e mitocôndrias dos tecidos extra hepáticos, através dos transportadores de monocarboxilato (MCTs). Uma vez dentro da matriz mitocondrial, Go BHB™ é metabolizado a Acetil-CoA e participa do ciclo do Ácido Cítrico (TCA) para a formação de ATP.

 

 

 

Além do mecanismo energético de Go BHB™ como substrato para a produção de ATP em tecidos extra-hepáticos, principalmente cérebro e tecido muscular proporcionando energia e performance cognitiva, Go BHB™ contribui para melhor eficiência metabólica por apresentar vantagens termodinâmicas e atuar como um sinalizador para a regulação dos substratos energéticos do metabolismo.

 

Durante o exercício a há uma alta exigência metabólica diretamente relacionada com a intensidade. Nessa situação, o organismo valoriza as reservas de glicogênio, resutando em uma dependência quase exclusiva de glicogênio e glicose sanguínea para a necessidade energética. A suplementação com cetona exógena demonstra induzir a cetose nutricional de forma aguda modificando o ambiente energético inibindo o metabolismo glicolítico preservando as reservas de glicogênio, reduzindo a desaminação de aminoácidos de cadeia ramificada e gerando maior dependência do uso de triglicerídeos intramusculares (IMTG) durante o exercício.

 

Além diso, quando associado a uma fonte de carboidratos na condição de exercício, Go BHB™ pode permitir maior sensibilidade a insulina e cabptação de glicose para a síntese de glicogênio muscular. Essa mudança metabólica que a suplementação com Go BHB™ proporciona, resulta na melhora da performance associada a redução do catabolismo e preservação das reservas energéticas mais “preciosas”.

 

No estado pós-exercício, o organismo produz corpos cetônicos de forma fisiológica em contraste com a dependência de glicose durante o exercício, de modo a favorecer a reposição de glicogênio muscular e poupar a quebra de proteínas do músculo esquelético. Isso significa que a co-ingestão de cetonas exógenas, como o Go BHB™, e glicose em um protocolo de recuperação pós-exercício pode conferir uma vantagem metabólica através da cetose nutricional aguda, juntamente com a redução de lactato e os efeitos antioxidantes e antiinflamatórios dos corpos cetônicos.

 

A elevação de β-OHB no sangue através da suplementação com Go BHB™ també é responsável pela redução do apetite, desejo de comer e sensação de saciedade mediada pela redução dos níveis de grelina. Dessa forma, Go BHB™ é um aliado importante no gerenciamento do peso, pois contribui para o sucesso de dietas low carb e estratégias como o jejum intermitente.

 

 

 

BENEFÍCIOS

 

 Promove saciedade e mais energia, sendo um aliado importante para dietas restritas como low carb;

 

 Auxilia nos períodos de jejum para quem faz jejum prolongado ou jejum intermitente reduzindo a fome e proporcionando mais enegia para corpo e mente;

 

 Traz mais facilidade para o período de ceto-adapatação, acelerando este processo na dieta cetogênica;

 

 Modifica o ambiente metabólico durante o exercício regulando a utilização de substratos e promovendo maior performance esportiva e recuperação;

 

 É energia eficiente para o corpo e também para a mente, contribuindo para melhora cognitiva.

 

 Seu balanço eletrolítico com sódio, cálcio e magnésio é ideal e equilibrado, trazendo benefícios para a reposição de sais, principalmente para os praticantes de atividades físicas e pessoas que fazem dieta cetogênica.

 

 

INDICAÇÕES

 

Go BHB™ pode ser administrado:

 

 Pela manhã para energia, saciedade e cognição para manter o jejum, ou antes do café da manhã para maior energia física e mental;

 

 A qualquer momento para impulsionar o jejum intermitente. Go BHB™ proporciona mais sensibilidade a insulina e saciedade para os períodos sem comer;

 

 Para quem está mudando de uma dieta com carboidratos para uma dieta cetogênica. Neste momento, pode se sentir letárgico e cognitivamente cansado e, para facilitar essa transição, Go BHB™ abastece o organismo com energia cetônica;

 

 Para as pessoas que não querem uma dieta cetogênica, mas querem suporte para uma dieta low-carb. Pode-se administrar Go BHB™ como uma fonte de energia sem carboidratos que vai manter os níveis de energia altos, glicemia regulada e mais saciedade;

 

 No mundo fitness, “cutting” pode significar a eliminação de quase todos os carboidratos não vegetais da dieta. No pico do cutting, se exercitar se torna ainda mais difícil por conta da exaustão física e cognitiva. Go BHB™ abastece o corpo e a mente com mais energia, permitindo se exercitar em um nível melhor;

 

 No pré-treino, durante e após o exercício. Go BHB™ regula a utilização de substratos energéticos nessas condições e pode ser associado com aminoácidos ramificados para potencializar o efeito anti-catabólico, com Teacrine® para ainda mais energia, foco e concentração e com PeakO2™ para reduzir a fadiga e melhorar a performance.

 

 

ESTUDOS IN VIVO

 

Cetose nutricional com suplementação de βHB durante o exercício

 

Um estudo duplo-cego controlado por placebo avaliou dez homens saudáveis considerados ativos (exercícios pelo menos 3 vezes por semana) sem seguir dieta low carb ou cetogênica, ou consumir suplementos de cetonas. Foi analisado o efeito da suplementação com βHB na dosagem de 0,3g/kg no metabolismo energético. No método experimental, os participantes relataram jejum no dia do teste e receberam o suplemento ou o placebo. Trinta minutos após o consumo, os participantes completaram um protocolo de 3 estágios: 5 minutos em cada limiar ventilatório (30%, 60% e 90%) em bicicleta ergométrica. Gases metabólicos foram coletados ao longo de cada estágio e as taxas metabólicas calculadas.

 

 

 

Resultados: Os resultados mostram a mudança metabólica induzida pela cetose nutricional, onde há maior utilização de triglicerídeos intramusculares (que correspondem à maior oxidação de gorduras no gráfico) e a inibição do fluxo glicolítico durante o exercício, indicando preservar as reservas de glicogênio.

 

 

Aumento da síntese de glicogênio pós-exercício

 

Um estudo cego e randomizado avaliou 20 voluntários homens bem treinados, que treinaram de 6 a 8 horas por semana para o estudo. O protocolo do estudo é composto pela depleção de glicogênio (medida através de biópsia), onde os voluntários se exercitaram de forma estabelecida até a fadiga depois de 12 horas de jejum e, após esta etapa, consumiram bebida contendo 0,573 mL/kg de cetona. A bebida controle havia apenas o adoçante e o flavorizante que a bebida de cetona e, após 30 minutos da ingestão das bebidas, o metabolismo de glicose foi analisado através de um clamp de glicose.

 

 

Resultados: O glicogênio muscular aumentou após o exercício sob todas as condições (solução salina e glicose), mas após a bebida de cetona (Glu+Ket) foi 50% superior, indicando otimizar a síntese de glicogênio.

 

 

Efeito da suplementação com βHB no metabolismo energético durante o exercício

 

Estudo randomizado, cego e cruzado foi realizado com dez atletas e avaliou os substratos metabólicos plasmáticos durante o exercício com a suplementação de bebida contendo cetona. O experimento consistiu em uma hora de ciclismo em carga constante a 75% da Wmáx, onde os voluntários ingeriram 573 mg/kg corporal de cetona exógena (96% de cetona e 4% de carboidrato), apenas carboidrato (CHO) ou bebida contendo gordura (Fat) 15 minutos antes do exercício e após 45 minutos a cada 1 hora de teste.

 

 

 

Resultados: As concentrações de lactato foram as mesmas no início para todas as condições. No entanto, após o início do exercício, as concentrações de lactato sanguíneo foram significativamente menores para a cetona, sendo 50% menor que o CHO e que o FAT aos 30 e 45 minutos. As concentrações de glicose no plasma foram semelhantes para todos os atletas no início do estudo, mas aumentaram consideravelmente após o consumo de CHO. A glicose caiu durante os primeiros 10 minutos de exercício após o uso de CHO ou cetona e foi significativamente menor após a ingestão de cetona em relação as bebidas de CHO e FAT. As concentrações plasmáticas de insulina foram mais elevadas após o CHO, em comparação com o FAT e cetona.

 

 

Efeito da suplementação com βHB na performance esportiva

 

Um estudo duplo cego randomizado examinou os efeitos da suplementação com βHB no exercício de endurance, com oito atletas altamente treinados. Os participantes do estudo, após um jejum noturno, ingeriram bebida contendo 573mg/kg de peso corporal de βHB antes de um teste de ciclismo, que consistiu em 60 minutos com 75% da carga máxima que suportam seguidos de 30 minutos para a distância máxima.

 

 

 

Resultados: A suplementação com βHB demonstrou aumento na distância percorrida por cada atleta, melhorando a performance dos atletas em exercícios de alta intensidade.

 

 

Suplementação com cetona exógena na redução da grelina e do apetite

 

Um estudo cego e randomizado examinou os efeitos de bebida contendo cetona exógena ou dextrose no apetite de voluntários saudáveis com peso normal e idades entre 21 e 42 anos. Cada bebida continha 1,9 kcal/kg de βHB ou dextrose, nas quais os voluntários tomavam pela manhã após 8h de jejum noturno. Amostras sanguíneas foram analisadas durante 4 horas após a administração e foi determinada então, a área sob a curva da concentração de grelina.

 

 

Resultados: A suplementação com βHB exógeno apresentou significativa redução da liberação de grelina após a administração, quando comparado com a dextrose. Isso mostra sua efetividade na redução do apetite e consequente sensação de saciedade.

 

 

Suplementação com βHB no volume dos adipócitos

 

Neste estudo, ratos Wistar com 10 semanas de idade foram divididos em dois grupos: (1) grupo controle e (2) grupo que recebeu uma solução de βHB na forma de sal, na concentração final de 4,2% por quatro semanas. Esta concentração foi escolhida considerando uma concentração final isotônica de sódio e postássio. Foi determinada a porcentagem de gordura visceral e o volume dos adipócitos viscerais no tempo 0 e depois de quatro semanas de suplementação.

 

 

 

Resultados: A suplementação com βHB exógeno apresentou redução em 16% da gordura visceral dos animais testados e redução do volume dos adipócitos em 30%, após as quatro semanas de estudo. Tais evidências podem mostrar que a suplementação com βHB promove benefícios no gerenciamento de peso.

 

 

DOSAGEM USUAL

 

A dosagem usual é de 3 a 6g ao dia

 

 

SUGESTÕES DE FÓRMULAS

 

 

Pré-Treino

GoBHB™ 3 g

Administrar 1 dose ao dia.

 

Associar com:

Teacrine®  80 mg

I-Plus®  200 mg

Administrar 1 dose ao dia.

 

 

Plus de energia para o exercício

 

Go BHB™ 4g

PeakO2™ 1g

Administrar 1 dose antes ou durante do treino.

 

 

Suplemento anti-catabólico para atletas

 

Go BHB™ 4g

BCAA 1g

Administrar 1 dose antes e/ou após o treino.

 

 

Suplemento sacietógeno para dietas restritas

 

Go BHB™ 3g

Administrar 1 dose antes das principais refeições ou durante o jejum.

 

 

Benefícios na performance mental 

 

Go BHB™ 3g

Dimpless® 10mg

Administrar pela manhã.

 

Associar com: Ômega 3 2g Administrar antes do almoço.

 

 

Ação Lipolítica e Detoxificante

 

GoBHB™ 3 g

Administrar 1 dose ao dia.

 

Associar com:

Morosil® 400 mg

Altilix™100 mg

Cacti-Nea™ 500 mg

Administrar 1 dose ao dia.

 

 

A sua saúde em boas mãos.

 

Fonte: Material do Fornecedor | Galena

 

Boaformula 

Manipulação e Suplementos Nutricionais

Porto Alegre | RS

Please reload

Gostou e quer encomendar?
         51 99702.5060
       

Beleza de dentro para fora. | SiliciuMax®

4 Jul 2019

1/6
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Fale Conosco

 

WhatsApp:  (51) 99702.5060

                  

                   

Fones:        (51) 3095.2001

                   (51) 3311.7898

 

Redes Sociais

  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone Blogger
  • Preto Ícone LinkedIn

Contato com Equipe de Vendas

boaformula@boaformula.com.br

 

Sugestões, Reclamações e Dúvidas

sac@boaformula.com.br

Venha Trabalhar Conosco!

trabalheconosco@boaformula.com.br

Endereço

Boaformula Farmácia de Manipulação

Av. Independência, 1163

Bairro Independência

Porto Alegre - RS - Brasil

CEP 90035-077

Advertência:
• Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado.
• Imagens ilustrativas.
• Pessoas com hipersensibilidade à(às) substância(s) não devem ingerir o produto.
• Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.
• Não use o medicamento com o prazo de validade vencido.
• Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da   luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.
• Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.
• Este medicamento não deve ser utilizado por gestantes e lactantes. 
• Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica.
• Os resultados dependem da correta utilização do produto, conforme descrito na posologia.
• Se persistirem os sintomas, o médico deverá ser consultado.

Venda mediante prescrição do profissional habilitado
As informações acima são de caráter informativo sem intenção de induzir a automedicação, não se trata de propaganda e sim descrição do produto, consulte sempre um profissional habilitado. 
O estabelecimento farmacêutico deve assegurar ao usuário informação e orientação quanto ao uso dos medicamentos solicitados por acesso remoto. RDC 44 de 17 de agosto de 2009, Artigo 58.

Boaformula

Farmácia de Manipulação e Suplementos Nutricionais

A sua saúde em boas mãos.

Porto Alegre | RS

CNPJ 94.629.169/0002-30