Problemas Digestivos?

14 Nov 2018

 

 

 

 

 
 

 O que é gastrite? 

 

Gastrite é a inflamação das paredes do estômago, provocada por alterações do ambiente gástrico que agridem e irritam­ a mucosa, tornando-a vermelha e in­­­cha­da. Nos casos mais graves chega a ocor­­­­rer sangramento. Os sintomas principais são: dor, azia, digestão difícil e demo­­­­­­rada.­

 

 

Quais as causas?

 

Há dois tipos básicos de gastrite: aguda e crônica. A forma aguda é desen­cadeada por causas recentes, como uso de medicamentos (certos analgésicos), abuso alimentar, intoxicação (como acidentes por ingestão de soda cáustica, ácidos etc.), crise emocio­nal. A forma crônica é provocada por acúmulo de fatores, como má alimentação, personalidade ansiosa, uso e abuso de medicamentos, alcoolismo, tabagismo etc.

 

 

 

 

Quais os tipos de gastrite?

 

Na gastrite pode haver duas situações opostas: excesso ou falta de ácido­ do estômago (ácido clorídrico). Quando há excesso de ácido (hiper­clori­­­­dria), surgem sintomas como azia e dor, e há possibilidade de úlceras gastrin­testinais. No caso oposto, onde há pouco ácido, a hipocloridria (gastrite alcalina), a digestão é lenta e difícil.­

 

 

O que é excesso de ácido no estômago (hipercloridria)?

 

A hipercloridria é descrita como um excesso de ácido estomacal na ausência de alimentos. Ter excesso de ácido no estômago acontece quando certos processos estimulam a superprodução de ácido gástrico. A gastrina é um hormônio chave que regula a secreção de ácido gástrico e ter muita gastrina pode causar hipercloridria.

A Enciclopédia Britânica diz que o seu estômago produz cerca de 1,5 litros de ácido gástrico por dia. É normal que comer alimentos aumente a quantidade de ácido gástrico produzido. Além disso, estímulos como o paladar, o olfato e a visão podem provocar a produção de mais ácido.

No entanto, o excesso de ácido estomacal pode ser resultado de sensibilidades alimentares, distúrbios emocionais ou excesso de hormônio gastrina. 

 

 

>> Sintomas de excesso de ácido no estômago

 

Ter excesso de ácido estomacal em seu sistema digestivo muitas vezes causa vários graus de desconforto gastrointestinal. Os efeitos colaterais do excesso de ácido no estômago geralmente causam danos ao revestimento do estômago. Em alguns casos, outras infecções gástricas podem elevar os níveis de suco gástrico. Abaixo alguns sintomas comuns: 
 

  • Sensação de queimação no estômago após as refeições.

  • Azia (refluxo ácido).

  • Arroto e flatulência imediatamente após as refeições.

  • Inchaço abdominal (também pode causar estômago duro)

  • Náusea e / ou vômito

  • Fezes negras ou escuras se você tem uma úlcera péptica

  • Azia

  • Prisão de ventre

 

>> O excesso de ácido estomacal pode imitar a fome?

 

O excesso de ácido no estômago (hipercloridria) está associado a dor da fome. A fome faz com que vários hormônios (como a gastrina) e enzimas sejam liberados no estômago. Estes podem causar contrações no estômago e aumentar o apetite. Alguns ensaios clínicos sugerem que esses fatores podem aumentar a secreção ácida do estômago.

 

 

>> Causas da hipercloridria

 

  • Infecção por Helicobacter pylori e úlcera péptica;
  • Demasiada secreção hormonal gastrina;

  • Estresse;

  • Beber muitas bebidas com cafeína;

  • Comidas gordurosas;

  • Leite;

  • Consumo de cerveja ou vinho;

  • Falta de dormir;

  • Alimentos e Refluxo ácido;

  • Alimentos ácidos e cítricos.

 

O que é pouco ácido no estômago (hipocloridria)?

 

A hipocloridria é caracterizada pela diminuição na secreção de ácido clorídrico pelo estômago. O ácido clorídrico é fundamental para digestão de proteínas e para a boa absorção de ferro, zinco, ácido fólico e vitamina B12. Pessoas que produzem menos ácido clorídrico ou que tomam antiácidos indiscriminadamente estarão mais susceptíveis a bactérias nocivas como o Helicobacter Pylori. 

 

 

>> Sintomas da hipocloridria no estômago

 

Com a má digestão aparecem também como sintomas a eructação (arrotos devido a fermentação da comida mal digerida no estômago, especialmente carnes), azia ou queimação, distensão abdominal (a barriga fica inchada), dor após a refeição, diarréia ou constipação (intestino preso), sensação de empachamento após comer, mau hálito ou presença de restos de comida nas fezes.

 

 

>> Causas da hipocloridria

 

A hipocloridria pode ser causada por inúmeros fatores como doenças auto-imunes, alimentação pobre em zinco e vitamina B6, consumo excessivo de gorduras e açúcares, estresse, abuso de bebidas alcoólicas e uso contínuo de medicamentos como omeprazol.

Café, chás com cafeína (como mate e preto), chocolate, consumo excessivo de gordura, refrigerantes, água com gás, laticínios e soja também podem agravar os sintomas.

 

 

>> O ácido estomacal baixo pode causar refluxo ácido?

 

Em muitos casos, o ácido estomacal baixo no sistema digestivo é uma das principais causas de refluxo ácido, e não o excesso de suco gástrico.

O ácido estomacal baixo é chamado hipocloridria e é frequentemente o culpado pelos sintomas de azia e indigestão. A falta de ácido estomacal pode causar dor de estômago, gastrite e outros sintomas de refluxo ácido. De fato, o ácido estomacal baixo também pode levar ao supercrescimento bacteriano no trato digestivo, osteoporose e anemia. 

 

 

 

Quando você deve procurar um médico

 

Para episódios ocasionais de azia, remédios caseiros geralmente são suficientes para reduzir qualquer desconforto digestivo. No entanto, em alguns casos, você deve consultar um médico sobre quaisquer sintomas graves.
 

  • Os sintomas de azia tornaram-se mais frequentes e graves.

  • Você tem uma sensação constante de algo preso em sua garganta.

  • Você tosse com muco tingido de sangue ou vomita com pedaços que parecem grãos de café. 

  • Você possui fezes escuras e parecidas com alcatrão.

  • Você tem uma dor aguda na parte superior do abdômen que gradualmente piora.

 

 

 

Na Boaformula você encontra algumas opções naturais de tratamento para esses problemas digestivos!

 

 

Fórmula para Hipercloridria

Gamma oryzanol   50mg

Licorice                  50mg

Espinheira Santa   150mg

Pepsina                  50mg

60caps. Tomar 1 cápsula pela manhã e 1 pela noite.

 

 

Fórmula para Hipocloridria

Betaina Cloridrato  100mg    

Gamma oryzanol    100mg

Pepsina                   50mg

60caps. Tomar 1 cápsula pela manhã e 1 pela noite.

 

 

Espinheira Santa     500mg

60doses. Tomar 1 dose pela manhã e 1 pela noite.

 

 

Enzimas Digestivas Pool     500mg

60caps. Tomar 2 cápsulas ao dia.

 

 

Composto Homeopático para Gastrite

20 glóbulos. Tomar 5 glóbulas 3 vezes ao dia. Em crise tomar 3 glóbulos a cada 2 horas.
 

 

Para maiores informações, consulte uma de nossas farmacêuticas.

 

 

A sua saúde em boas mãos.

 

 

Boaformula

Manipulação e Suplementos Nutricionais

Porto Alegre | RS

 

                                                                                                                          

Please reload

Gostou e quer encomendar?
         51 99702.5060
       

Beleza de dentro para fora. | SiliciuMax®

4 Jul 2019

1/6
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Fale Conosco

 

WhatsApp:  (51) 99702.5060

                  

                   

Fones:        (51) 3095.2001

                   (51) 3311.7898

 

Redes Sociais

  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone Blogger
  • Preto Ícone LinkedIn

Contato com Equipe de Vendas

boaformula@boaformula.com.br

 

Sugestões, Reclamações e Dúvidas

sac@boaformula.com.br

Venha Trabalhar Conosco!

trabalheconosco@boaformula.com.br

Endereço

Boaformula Farmácia de Manipulação

Av. Independência, 1163

Bairro Independência

Porto Alegre - RS - Brasil

CEP 90035-077

Advertência:
• Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado.
• Imagens ilustrativas.
• Pessoas com hipersensibilidade à(às) substância(s) não devem ingerir o produto.
• Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.
• Não use o medicamento com o prazo de validade vencido.
• Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da   luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.
• Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.
• Este medicamento não deve ser utilizado por gestantes e lactantes. 
• Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica.
• Os resultados dependem da correta utilização do produto, conforme descrito na posologia.
• Se persistirem os sintomas, o médico deverá ser consultado.

Venda mediante prescrição do profissional habilitado
As informações acima são de caráter informativo sem intenção de induzir a automedicação, não se trata de propaganda e sim descrição do produto, consulte sempre um profissional habilitado. 
O estabelecimento farmacêutico deve assegurar ao usuário informação e orientação quanto ao uso dos medicamentos solicitados por acesso remoto. RDC 44 de 17 de agosto de 2009, Artigo 58.

Boaformula

Farmácia de Manipulação e Suplementos Nutricionais

A sua saúde em boas mãos.

Porto Alegre | RS

CNPJ 94.629.169/0002-30