InSea 2 | Bloqueador de Carboidratos

20 Mar 2019

 

 

 

 

InSea2®

DIMINUI EFETIVAMENTE A ABSORÇÃO DO CARBOIDRATO

 

Na nossa dieta nós ingerimos mais de 64kg de açúcares por ano, enquanto a Associação Americana do Coração recomenda uma ingestão de 10kg por ano. Os açúcares ficam “escondidos” em produtos supostamente saudáveis como pães integrais, iogurtes naturais, cereais matinais e alimentos processados, na forma de carboidratos e amidos. Após sua ingestão, o excesso de açúcar induz a um excesso de sua concentração no sangue e à elevação nos níveis de insulina. Esse excesso ocorre todos os dias, após cada refeição, por períodos prolongados, expondo nosso organismo a um grande estresse psicológico. Com o tempo, altos níveis de insulina acabam gerando uma resistência do organismo a esse hormônio. Aproximadamente 84 milhões de indivíduos americanos já estão em quadro de pré-diabetes.

 

A maioria dos açúcares são compostos de glucose, frutose ou galactose, quer sozinhos (monossacarídeos) ou ligados entre si em pequenas cadeias (sacarose, a lactose, a maltose) ou longas cadeias (maltodextrinas, amidos). Uma vez que apenas os monossacarídeos podem ser absorvidos pelos nossos intestinos, a maior parte dos açúcares que comemos precisam ser digeridos antes de entrarem na corrente sanguínea.

 

A -glucosidase e a -amilase são enzimas que estão ligadas à digestão dos amidos e carboidratos em monossacarídeos absorvíveis. A digestão é um processo que ocorre em dois passos: após a ingestão, os açúcares são divididos em oligossacarídeos menores pela -amilase; em seguida, a -glucosidase converte esses oligossacarídeos em monossacarídeos, que podem finalmente ser absorvidos. A inibição dessas enzimas reduz a absorção de carboidratos, contribuindo para uma melhoria do controle glicêmico.

 

InSea2® é um combinado dos polifenóis de Ascophyllum nodosum e Fucus vesiculosus, padronizado em florotaninos, que tem a capacidade de inibir a atividade da -glucosidase e da -amilase, reduzindo a digestão e assimilação de amido e açúcar, a resposta glicêmica normal que segue uma refeição, bem como o pico de insulina associada, e ajuda a manter a sensibilidade à insulina saudável.

 

 

Maré pós-prandial

 

Durante a digestão, o fluxo sanguíneo do nosso corpo é direcionado para o aparelho digestivo, diminuindo a circulação cerebral, com consequente diminuição do transporte de oxigênio para essa região, diminuindo nosso estado de alerta. Além disso, o aumento da produção do suco gástrico faz com que também ocorra um aumento da liberação de bicarbonato de sódio, provocando uma alcalose metabólica chamada maré alcalina; essa situação também reduz a atividade cerebral. Outro, e não menos importante fator para o sono e cansaço pós-refeição, é o aumento da glicose circulante. Refeições ricas em carboidratos aumentam os níveis de glicose no sangue, provocando picos de glicemia, especialmente após a ingestão de carboidratos de rápida absorção. O aumento das taxas de açúcar no sangue reduz o estado de alerta do nosso cérebro, aumentando o cansaço e o sono. InSea2®, como um potente redutor da absorção de carboidratos, ajuda a reduzir a sonolência e o cansaço corporal logo após uma refeição, através da redução da absorção de açúcar dos alimentos.

 

 

Ações

 

 Redução dos níveis de insulina e açúcar no sangue;

 Promove o metabolismo natural e saudável da glicose;

 Reduz os efeitos da maré pós-prandial;

 Reduz o índice glicêmico dos alimentos ingeridos;

 Ajuda manter o funcionamento saudável da insulina;

 Melhora a resistência à insulina;

 Gerenciamento de peso;

 Prevenção de Diabetes Tipo II;

 Modula a digestão e absorção de amido e açucares.

 

 

Vantagens

 

 Fácil de manipular: solúvel em água e estável ao calor;

 100% natural;

 Seguro e eficaz;

 Clinicamente testado;

 Certificado GRAS, Ecocert, Non-GMO e Orgânico.

 

 

Recomendação de uso

 

De 250mg a 500mg, 30 minutos antes das principais refeições.

 

 

Mecanismo de ação

 

O InSea2® é o primeiro bloqueador de carboidratos com ação dupla, agindo nas duas principais etapas de absorção de carboidratos presentes no organismo, o que lhe garante ainda mais sucesso em sua função desejada.

 

O InSea2® age inibindo duas enzimas: a -glucosidase e a -amilase, o que o torna superior à bloqueadores simples de amido que agem inibindo somente a -amilase. Uma vez inibidas ambas as enzimas, não haverá degradação dos carboidratos, reduzindo a absorção em sua maioria. Portanto, os carboidratos não conseguem ser digeridos e são enviados diretamente ao intestino para sua eliminação através das fezes. Esse mecanismo apresenta uma alternativa segura para auxiliar as dietas de emagrecimento e para diabéticos que precisam diminuir a quantidade de açúcar circulante.

 

 

Estudos de Eficácia

 

1. Estudo in vitro

 

O efeito inibitório da mistura de polifenóis que formam InSea2® foi medida em enzimas - amilase e -glucosidase por incubação das enzimas com um substrato quimioluminescente na presença de concentrações crescentes de InSea2®.

 

InSea2® foi capaz de inibir tanto a -amilase e a -glucosidases de um modo dependente da dose com uma concentração de 2,8 mcg/mL para -amilase (0,06 mcM InSea2®) e 5,0 mcg/mL para -glucosidase (0,09 mcM). Uma inibição quase total (96-100%) de ambas as enzimas foi obtida em concentrações sub-micromolares. Geralmente, a afinidade de um inibidor de uma enzima é dada pela Ki: quanto menor for o Ki, maior a afinidade. Para inibição da -amilase e -glucosidase, os Ki foram, respectivamente, de 6,0 x 10-8 M e 7,0 x 10-8 M, demonstrando uma afinidade muito forte.

 

 

 

2. Gestão de amido

 

A fim de avaliar a eficácia de InSea2® sobre os níveis de açúcar no sangue após uma refeição rica em amido, um ensaio clínico foi realizado. Vinte e três participantes saudáveis (11 homens, 12 mulheres) com idades entre 19-59 anos foram recrutados neste estudo cruzado duplo-cego, randomizado, controlado por placebo.

 

Os participantes receberam uma fonte de amido (2 fatias de pão branco) 30 minutos após a ingestão de 500 mg de InSea2® ou placebo. Os níveis de glicose no sangue e insulina foram medidos durante 3 horas e o efeito de InSea2® sobre a resposta glicêmica aos alimentos de teste foi avaliada.

 

 

 

 

3. Gestão de açúcar

 

O presente estudo visa investigar a atividade inibitória da -glucosidase de InSea2®. Como α -glucosidase digere dissacarídeos como açúcar de mesa, este alimento foi escolhido para examinar esta propriedade de InSea2®. Foi um estudo duplo-cego, randomizado, placebo controlado, onde cada participante foi submetido a dois testes de tolerância a 50g de sacarose (ou placebo). Os 50g de sacarose, em cada ocasião, foram fornecidos como uma bebida com sabor limão contendo InSea2® ou não. Cada teste foi separado por pelo menos 2 semanas. Os níveis de glicose e insulina no sangue foram medidos durante 3 horas e o efeito de InSea2® sobre a resposta glicêmica aos alimentos de teste foi avaliada.

 

 

 

 

4. Comparação dos extratos naturais de algas marinhas comercializados para o teor de polifenóis e inibição das enzimas -amilase e -glucosidase.

 

Os polifenóis bioativos de algas marrons são reconhecidos como potentes inibidores naturais da -amilase e -glucosidase, porém, a inibição obtida a partir de vários extratos pode variar drasticamente devido a desnaturação ou alteração química dessas moléculas bioativas frágeis durante o processo de extração.

 

Nesse estudo, foram avaliados dois extratos comercialmente disponíveis derivados de algas marinhas marrons, utilizando métodos padronizados e validados, o InSea2® que é composto de Ascophyllum nodosum e Fucus vesiculosus e Extrato 2, composto por Ascophyllum nodosum, Fucus vesiculosus e Saccharina japonica.

 

Os resultados mostraram que o InSea2® é vastamente superior ao Extrato 2 em todos os parâmetros, desde atividade inibitória de ambas as enzimas, como conteúdo de polifenóis. Na observação visual dos dois produtos, o InSea2® aparece como pó castanho escuro fino, enquanto o Extrato 2 apresenta um pó fino de cor avermelhada (Figura 5).

 

 

 

 

 

Os resultados dos ensaios de determinação de polifenóis utilizando o reagente FolinCiocalteu mostram uma grande distinção entre os dois produtos, o InSea2® apresentou um teor de 32,6% de polifenóis, enquanto o Extrato 2 não revelou níveis de polifenóis detectáveis (Tabela 1 ).

 

 

 

 

A Figura 6 mostra a atividade inibitória dos dois extratos de algas para -amilase salivar. O InSea2® mostrou atividade inibitória muito potente, atingindo inibição quase completa em doses de 10µg/mL. O Extrato 2 não mostrou qualquer inibição consistente para - amilase salivar.

 

 

 

A Figura 7 apresenta os efeitos inibitórios dos mesmos extratos de algas marinhas contra a -glucosidase. O InSea2® apresentou eficácia superior ao Extrato 2 que não mostra atividade inibitória contra essa enzima nas duas concentrações testadas.

 

 

Em conclusão, o ensaio permitiu uma clara diferenciação entre os dois extratos derivados de algas marinhas marrons comercialmente disponíveis. O Extrato 2 não apresenta qualquer ação inibitória para as enzimas que estão envolvidas na digestão dos carboidratos. O InSea2® destaca-se como o único com eficácia para inibição das enzimas envolvidas na quebra dos carboidratos. Suportado por ensaios clínicos humanos e estudos publicados, aprovado pela Health Canada após revisão completa da sua evidência de qualidade e eficácia, InSea2® deve ser usado com confiança.

 

 

5. Estudo de eficácia na maré pós-prandial

 

Estudo randomizado placebo-controlado, duplo-cego realizado com 60 adultos de ambos os sexos entre 18 e 65 anos. Os participantes foram divididos em 2 grupos, em que um grupo recebeu suplementação com 500mg de InSea2® e o outro recebeu placebo 30 minutos antes de ingerir uma refeição contendo 50g de carboidratos. Os participantes foram submetidos a testes cognitivos e questionário de avaliação subjetiva de percepção, em que foram avaliados os seguintes parâmetros: memória, atenção, tempo de reação e vigilância de dígito. Os testes foram aplicados por 5 vezes no período de 3h após a ingestão da refeição.

 

O teste de vigilância de dígitos consiste em exibir um único dígito alvo continuamente no canto direito da tela do computador e uma série de dígitos únicos são apresentados à esquerda da tela na taxa de 150 por minuto. O participante era obrigado a pressionar o botão de resposta o mais rápido possível toda vez que o dígito da série correspondesse ao dígito alvo, a tarefa teve duração de 3 min e tem como objetivo avaliar os critérios de precisão, tempo de reação para o número de respostas corretas e alarmes falsos.

 

Os resultados demonstraram que o grupo que recebeu InSea2® teve melhor desempenho cognitivo em comparação ao placebo, sendo que diferenças significativas foram encontradas nesta análise de reação de vigilância de dígitos (p = 0,035), indicando desempenho mais rápido e preciso nesta tarefa, além de tempo de reação de escolha (p = 0,043).

 

 

 

O grupo placebo, quando comparado aos valores de seu próprio baseline, tiveram declínio de cognição nas tarefas realizadas nos minutos 120 e 160 pós-prandial, além de se apresentarem significativamente mais propensos a produzir taxas de alarme falso quando comparado ao grupo InSea2®.

 

Nenhum efeito adverso foi reportado pelos participantes.

 

 

6. Estudo de eficácia em indivíduos pré-diabéticos

 

Um estudo randomizado, duplo-cego, placebo controlado, realizado com 65 homens e mulheres em quadro de pré-diabetes, dietas restritivas e planos de exercícios físicos, para normalizar as condições entre grupos. A intervenção foi de uma cápsula de 250mg de InSea2® + 7,5mcg de picolinato de cromo ou placebo, antes de cada refeição (3 vezes ao dia), durante 6 meses.

 

 

 

Os resultados mostram reversão no quadro de 6 indivíduos tratados para estado saudável, e regressão de quadros de pré-diabetes IGT (Impaired Glucose Tolerance – alto risco) para pré-diabetes IFG (Impaired Fasting Glucose – risco moderado). No grupo placebo, 7 indivíduos pioraram o quadro, saindo de IFG para IGT, sem nenhuma melhora observada. Outros parâmetros também melhoraram significativamente no grupo InSea2® em comparação ao placebo, como parâmetros glicêmicos e marcadores inflamatórios (Figura 9).

 

Figura 9: * p<0.05 vs Início; # p<0.01 vs Início;  p<0.05 vs Placebo.

 

Embora esses resultados terem sido obtidos com uma combinação de InSea2® e picolinato de cromo, a dose de cromo administrada foi baixa (7,5mcg), representando uma pequena proporção à dose recomendada para esse nutriente (200mcg a 1000mcg ao dia). O estudo demonstra clara eficácia de InSea2® em reverter quadros de pré-diabetes, assim como comprova a segurança do uso prolongado.

 

 

 

A sua saúde em boas mãos.

 

 

Fonte: Material do Fornecedor | Infinity Pharma

Please reload

Gostou e quer encomendar?
         51 99702.5060
       

Meratrim® | Diminuição das Medidas de Cintura e Quadril

15 Jan 2020

1/6
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Fale Conosco

 

WhatsApp:  (51) 99702.5060

                  

                   

Fones:        (51) 3095.2001

                   (51) 3311.7898

                   (51) 3311.1144

 

Horário de Funcionamento

Segunda à Sexta das 8:30 às 18:30

Sábado das 9:00 às 12:00

Redes Sociais

  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone Blogger
  • Preto Ícone LinkedIn

Contato com Equipe de Vendas

boaformula@boaformula.com.br

 

Sugestões, Reclamações e Dúvidas

sac@boaformula.com.br

Venha Trabalhar Conosco!

trabalheconosco@boaformula.com.br

Endereço

Boaformula Farmácia de Manipulação

Av. Independência, 1163

Bairro Independência

Porto Alegre - RS - Brasil

CEP 90035-077

Advertência:
• Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado.
• Imagens ilustrativas.
• Pessoas com hipersensibilidade à(às) substância(s) não devem ingerir o produto.
• Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.
• Não use o medicamento com o prazo de validade vencido.
• Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da   luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.
• Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.
• Este medicamento não deve ser utilizado por gestantes e lactantes. 
• Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica.
• Os resultados dependem da correta utilização do produto, conforme descrito na posologia.
• Se persistirem os sintomas, o médico deverá ser consultado.

Venda mediante prescrição do profissional habilitado
As informações acima são de caráter informativo sem intenção de induzir a automedicação, não se trata de propaganda e sim descrição do produto, consulte sempre um profissional habilitado. 
O estabelecimento farmacêutico deve assegurar ao usuário informação e orientação quanto ao uso dos medicamentos solicitados por acesso remoto. RDC 44 de 17 de agosto de 2009, Artigo 58.

Boaformula

Farmácia de Manipulação e Suplementos Nutricionais

A sua saúde em boas mãos.

Porto Alegre | RS

CNPJ 94.629.169/0002-30