Dica Saudável | Suplementação de minerais com Biocell

 

 

Suplementação de minerais com Biocell

 

 

Na caminhada em busca da saúde, a suplementação pode ser uma forte aliada. Com a correria do dia a dia é cada vez mais comum as pessoas que trabalham, estudam e praticam atividades físicas não se alimentarem da forma correta. E o grande desafio nos dias atuais é manter uma alimentação rica em nutrientes,  para que o seu corpo possa garantir a quantidade necessária de tudo o que precisa para um bom funcionamento. As vitaminas, minerais e nutrientes funcionais possuem papel essencial para o bom funcionamento do metabolismo do organismo. Sua deficiência progressiva e crônica pode, em longo prazo, aumentar os riscos de desenvolvimento de doenças.

 

A suplementação é positiva quando a alimentação, por vários motivos, não atinge as necessidades nutricionais diárias. Inúmeros fatores propiciam o aumento destas necessidades. A correria do dia-dia, por exemplo, pode limitar o consumo de alimentos fonte, como hortaliças, vegetais, frutas frescas, cereais e grãos integrais. O estresse físico e mental, dietas restritivas, condições fisiopatológicas, uso de medicamentos e o fumo também contribuem para deficiência. Vale lembrar que eles não agem sozinhos, é fundamental a adoção de bons hábitos. Alimentação adequada e equilibrada, prática regular e acompanhada de atividade física, sono saudável e o abandono do tabagismo são algumas delas. Desde que orientados por profissionais da área, os suplementos são excelentes aliados à saúde e têm a função de suprir as substâncias que estejam em falta no seu organismo e que não esta sendo adquirido apenas com a alimentação.

 

 

Biocell

 

A Biocell está cada vez mais ocupando um espaço especial nos consultórios médicos e de nutricionistas, complementando tratamentos e melhorando a qualidade de vida de pacientes em todo o território nacional, oferecendo produtos para controle de peso, nutrição e cuidados pessoais, combinando o melhor da ciência e da natureza para eliminar as carências originadas pelo estilo de vida das sociedades modernas e auxiliando seus consumidores na adoção de um estilo de vida mais saudável.

 

Seu objetivo é promover o bem estar geral de de seus clientes, através de produtos, serviços e informações, agindo, assim, na prevenção de doenças e na conservação da saúde.

 

 

Biocell Brasil

 

Biocell é uma linha de produtos da ANBAFAR, uma empresa brasileira que atua no mercado de suplementos minerais desde 1997, oferecendo a máxima qualidade de seus produtos. 

Produtos que você encontra na Boaformula

 

 

>> Cálcio

 

 

Benefícios da Suplementação de Cálcio:
O Cálcio é importante na constituição e ativação de proteínas: troponina C, creatinina, retinina, proteína quinase C, fosfolipase A2, calmodulina, caldesmon, parvalbumina, calbindina e casequestina. O mesmo é necessário na ativação de enzimas hidrolíticas: a-amilase e lipase, desenvolvimento e manutenção dos tecidos ósseos, contração muscular (inclusive os batimentos cardíacos), coagulação sanguínea, metabolismo proteico e na transmissão de impulsos nervosos.

 

Sintomas da Deficiência de Cálcio:
A deficiência de Cálcio pode ser causada pela própria deficiência dietética ou por condições inflamatórias, ingestão de refrigerantes e proteína animal, hipoparatireoidismo, deficiência de Magnésio e deficit da produção de Vitamina D. O consumo de cafeína, falta de atividade física e excesso de gordura e/ou fibra dietética  também são fatores relacionados a deficiência do mineral.

 

A deficiência de Cálcio pode causar:

 

  • Câimbras

  • Contrações musculares contínuas Cólicas

  • Adormecimento e formigamento muscular

  • Palpitações cardíacas, Hipertensão arterial

  • Fragilidade óssea

  • Queda de dentes

  • Dores nas costas e pernas

  • Insônia

  • Irritabilidade, agitação e nervosismo

  • Perda de memória

  • Convulsões

  • Acidose do túbulo renal

  • Pele seca e eczema

  • Queda de cabelo e unhas frágeis/quebradiças

 

Aplicações Clínicas da Suplementação de Cálcio (Orientada por médico ou nutricionista):
 

  • Tensão pré-menstrual

  • Gestação

  • Aleitamento

  • Descalcificação

  • Desmineralização

  • Osteoporose

  • Osteomalácia

  • Raquitismo (associado às vitaminas A e D)

  • Fraturas

  • Espasmofilia

  • Cáries dentais (associado ao Flúor)

  • Obesidade

  • Hipertensão arterial

  • Litíase renal

 

Informação Nutricional: Porção de 2 ml (35 gotas)
Cálcio: 250 mg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas,Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”. 140 gotas equivalem a 100% da IDR para adultos.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Cobre

 

Benefícios da suplementação de Cobre:

O Cobre atua como cofator em sistemas enzimáticos: monoamina oxidase, diamina oxidase, lisil oxidase, ceruloplasmina, tirosinase e superóxido dismutase. Está presente no sangue carreado por uma proteína, formando a ceruloplasmina (constituída por 90% de Cobre), um importante antioxidante sanguíneo, anti-inflamatório, e responsável por catalisar a oxidação de ferro ferroso. O mineral também participa na formação e na manutenção da mielina, na mineralização esquelética, possui ação antibacteriana e atua no controle da pressão arterial.

 

Sintomas da deficiência de Cobre:

  • Anemias ferroprivas

  • Neutropenia

  • Redução da atividade de linfócitos, neutrófilos e células natural killer

  • Redução na produção de interleucina

  • Doença de Wilson

  • Doença de Menkes

  • Perda da cor do cabelo e da pele

  • Fadiga

  • Baixa temperatura corporal

  • Quebra do tecido conectivo

  • Disfunções cardiovasculares

  • Desordens do sistema nervoso central

  • Infecções recorrentes

  • Osteoporose

 

Aplicações Clínicas da Suplementação de Cobre (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Anemias ferroprivas

  • Anemia hipocrômica não responsiva à terapia com ferro

  • Osteoporose

  • Osteomalácia

  • Déficit no sistema imunológico

  • Hipertensão arterial

  • Síndrome de Menkes

  • Doença de Wilson

  • Infecções agudas virais e bacterianas (excelentes resultados em Gripes e Dengue)

  • Conjuntivites

  • Otites

  • Micoses

  • Tuberculose óssea

  • Tuberculose evolutiva

  • Infecções alvéolo-dentárias

  • Acne

  • Vitiligo

  • Psoríases

  • Processos inflamatórios agudos

  • Inflamação bucal

  • Artrites

  • Artroses vertebrais

  • Reumatismo inflamatório

  • Inflamações articulares

  • Disfunção supra-renal

  • Insuficiência esplênica

  • Nefrose Lipídica

  • Manifestações hepáticas

  • Hipercolesterolemia

  • Tumores benignos

  • Hemocromatose

Informação Nutricional: Porção de 2 ml (35 gotas)
Cobre: 225 mcg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas, Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”. 140 gotas equivalem a 100% da IDR para adultos.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Cromo

 

Benefícios da Suplementação de Cromo:

O Cromo é essencial para a manutenção da glicose no sangue, pois  ele ativa a tirosina quinase nos receptores insulínicos, tornando-os mais sensíveis  para a ação da insulina. Desta forma, a suplementação de Cromo é uma estrategia interessante para reverter a resistência dos receptores à insulina. Além de regular a ação da insulina nos receptores, esse mineral está associado à redução dos níveis de LDL-c, colesterol total, triacilgliceróis e ao aumento dos níveis de HDL. Estudos mostraram que o Cromo promoveu uma redução significante do colesterol sérico e aumento de imunoglobulinas. Outro estudo aponta que a deficiência de Cromo aumenta, possivelmente, a adiposidade (acumulo de gordura) devido ao aumento do estresse e das alterações do metabolismo lipídico que depende do mineral.

 

Sintomas da Deficiência de Cromo:

  • Resistência a insulina

  • Sonolência pós prandial

  • Hipertrigliceridemia

  • Hipercolesterolemia

  • Obesidade

  • Vontade de comer doces

  • Lesões e insuficiência renal

 

Aplicações Clínicas da Suplementação de Cromo (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Gestação

  • Resistência periférica à insulina

  • Prevenção e tratamento da intolerância à glicose

  • Prevenção e tratamento de Diabetes tipo I e II

  • Obesidade

  • Hipertrigliceridemia

  • Hipercolesterolemia

  • Compulsão por doces (associar o Neurocell)

  • Auxilia dietas hipocalóricas

  • Processos arterioscleróticos

  • Hipertensão arterial e risco cardiovascular

  • Deficiência e insuficiência renal (especialmente em pacientes insulinodependentes)

  • Praticantes de atividade física intensa

  • Hemocromatose

 

Considerando o papel do Cromo na regulação da glicemia, deve-se ter maior cautela com um alimento em especial, o açúcar.  O mesmo exerce um efeito negativo aumentando a excreção de Cromo, sendo que, justamente, esse é o mineral fundamental para a penetração da glicose nas células e para redução da vontade de consumir doces. Consequentemente esse ciclo de consumo de açúcar e excreção de Cromo resulta na resistência periférica à insulina, que pode evoluir para Diabetes tipo 2 e Obesidade.

 

Informação Nutricional: Porção de 2 ml (35 gotas)
Cromo: 8,7 mcg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas, Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”. 140 gotas equivalem a 100% da IDR para adultos.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Cobre-Magnésio

 

Benefícios da Suplementação de Cobre-Magnésio:

A união do Cobre e do Magnésio nesse suplemento produz no organismo um aumento da vitalidade e disposição, auxilia a recuperação de pacientes que sofreram traumas (tanto físicos como psicológicos) e de pacientes no pós-operatório.

 

Aplicações Clínicas da Suplementação de Cobre-Magnésio (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Síndrome anérgica

  • Leucopenia

  • Falta de vitalidade

  • Déficit  imunológico

  • Convalescença

  • Pré operatório

  • Pós operatório

  • Traumatismos

  • Psicastenia

  • Abulia psicofísica

  • Obsessões mórbidas

  • Estimulante físico e mental

  • Sonolência

  • Inflamações e infecções recidivantes

 Informação Nutricional: Porção de 2 ml (35 gotas)
Cobre: 225 mcg (25% VD)
Magnésio: 65 mg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas, Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”. 140 gotas equivalem a 100% da IDR para adultos.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Ferro

 

Benefícios da Suplementação de Ferro:

O Ferro está presente na hemoglobina e na mioglobina, sendo a primeira responsável pelo transporte de oxigênio no sangue e a segunda pelo transporte e reserva de oxigênio no músculo.

Esse mineral atua na mediação da oxirredução necessária para a formação de ATP (energia); é necessário para a síntese de carnitina (aminoácido que desempenha função no metabolismo de ácidos graxos); atua na citocromo P450, enzima de desintoxicação; é cofator para a enzima que inicia a síntese de serotonina e dopamina; e participa na síntese de Colágeno e Elastina.

 

Sintomas da Deficiência de Ferro:

  • Anemia ferropriva

  • Palidez

  • Tonturas

  • Dor de cabeça

  • Falta de concentração

  • Irritabilidade

  • Confusão mental

  • Fadiga muscular

  • Fraqueza

  • Queda de cabelo

  • Unhas frágeis

  • Declínio das funções cognitivas

  • Aumento da suscetibilidade a infecções

  • Pagofagia

  • Boqueira (queilite angular)

  • Dificuldade de deglutição

  • Redução do apetite

  • Obstipação

  • Taquicardia

 

Aplicações Clínicas da Suplementação de Ferro (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Gestação

  • Risco de malformações fetais

  • Risco de nascimento prematuro

  • Puberdade

  • Atrasos no crescimento

  • Menopausa

  • Anemia ferropriva

  • Hemorragias

  • Dismenorréias

  • Pagofagia

  • Síndrome das pernas cansadas

  • Cefaléia

  • Déficit de atenção

  • Sudorese aos mínimos esforços

Informação Nutricional:
Porção de 2 ml (35 gotas)
Ferro: 3,25 mg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas, Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”. 140 gotas equivalem a 100% da IDR para adultos.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Fósforo

 

Benefícios da Suplementação de Fósforo:

O Fósforo atua na regulação da função paratireoidiana, na excitabilidade neuromuscular (tônus), na formação dos ossos e dentes, na formação do ATP (trifosfato de adenosina) e do CP (fosfato de creatina),  se une aos lipídios para formar fosfolipídios (composto presente nas membranas celulares), cumpre um papel fundamental na estrutura do DNA e do RNA  e também está envolvido na eliminação dos produtos ácidos finais, provenientes do metabolismo energético.

 

Sintomas da Deficiência de Fósforo:

  • Dor nas articulações ou ossos

  • Perda de apetite

  • Irritabilidade ou ansiedade

  • Fadiga

  • Má memória

  • Cabelos e unhas quebradiços.

  • Osteoporose

  • Fraturas

  • Atrofia muscular

  • Aumento da sensibilidade da pele

  • Raquitismo

  • Crescimento atrofiado

  • Diminuição da libido

 

Aplicações Clínicas da Suplementação de Fósforo (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Osteoporose

  • Fraturas

  • Regulação do tônus cardio-circuátório

  • Fibromialgia

  • Tetânia

  • Espasmos musculares

  • Cãibras

  • Esclerodermia

  • Alergias respiratórias (renites, asmas)

  • Fenômenos espasmódicos ao nível respiratório (Coqueluche)

  • Moléstia de Dupuytren

  • Astenia cerebral

  • Falta de memória

Informação Nutricional: Porção de 2 ml (35 gotas)
Fósforo: 175 mg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas, Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”. 140 gotas equivalem a 100% da IDR para adultos.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Fósforo molibdênio

 

Benefícios da Suplementação de Fósforo-Molibdênio: 

Esse suplemento atua sobre processos alérgicos como dessensibilizante e sobre o mal estar de fundo hepático: enjoo, azia e enxaqueca. Aplicações Clínicas da Suplementação de Fósforo-Molibdênio (Orientada por médico ou nutricionista): Eczema Urticária Dermatite Rinites alérgicas Faringites alérgicas Unhas quebradiças Queda de cabelos Meteorismo Insuficiência hepática funcional Insuficiência hepatobiliar Enxaqueca alimentar Enxaqueca músculo tensiva Enxaqueca vasomotora Lúpus eritematoso Cistites de repetição por acidez Manifestações reumáticas de natureza inflamatória, degenerativa e metabólica  

 

Informação Nutricional: Porção de 2 ml (35 gotas)
Fósforo: 175 mg (25% VD)
Molibdênio: 11 mcg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas, Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Iodo

 

Benefícios da Suplementação de Iodo:

O Iodo tem como principal função sua participação na síntese de hormônios tireoidianos , além de regular enzimas e processos  metabólicos. Como conseqüência de sua participação na produção de hormônios na tireoide, ele é necessário para mielinização e maturação do sistema nervoso , especialmente durante a gestação. Uma meta-análise com 36 estudos sobre o comprometimento da inteligência consequente da deficiência de iodo mostrou uma redução considerável no QI de crianças com deficiência desse mineral. Algumas evidencias apontam que o retardo mental pode ser prevenido com a suplementação de Iodo, que foi capaz de aumentar 11,5 pontos de QI.

 

A Organização Mundial da Saúde aumentou a recomendação de ingestão de Iodo durante a gestação de 200 mcg para 250 mcg/dia.

 

Sintomas da Deficiência de Iodo:

Em gestantes, a deficiência de Iodo pode causar danos irreversíveis para o feto: aborto no primeiro trimestre, má formação, aumento da mortalidade na infância, cretismo, redução do crescimento somático e das funções motora e cognitiva

  • Bócio

  • Câncer gástrico

  • Redução da função do sistema imunológico

  • Doença fibrocística da mama

  • Ausência de ovulação

  • Hipotireoidismo

 

Aplicações Clínicas da Suplementação de Iodo (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Gestação

  • Hipotireoidismo

  • Hipertireoidismo (devido à ação reguladora do Iodo na forma ionizada)

  • Polifagia

  • Taquicardia

  • Bradicardia

  • Excitabilidade

  • Obesidade

  • Hipertensão arterial

  • Linfatismo na pediatria

  • Distúrbios de crescimento

  • Síndrome pré-Basedown

 

Informação Nutricional: Porção de 2 ml (35 gotas)
Iodo: 32 mcg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas, Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”. 140 gotas equivalem a 100% da IDR para adultos.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Manganês

 

Benefícios da Suplementação de Manganês:

O Manganês  é cofator de inúmeras enzimas , que atuam na síntese de colágeno, mucopolissacarídeos, colesterol e ácidos graxos. O mesmo constitui a manganês superóxido dismutase(SOD), que é a principal enzima antioxidante que neutraliza os efeitos tóxicos de espécies reativas de oxigênio.  O mineral é necessário também para o crescimento normal dos ossos,  para o metabolismo de aminoácidos e, indiretamente, para o metabolismo dos carboidratos, pois o mesmo estimula a quinase, que age nos receptores de insulina.  Além disso, o Manganês é capaz de reduzir a liberação de histamina, que é diretamente relacionada a processos alérgicos, pois o nutriente evita a desgranulação dos mastócitos.

 

Sintomas da Deficiência de Manganês:

  • Anomalias esqueléticas

  • Perda de coordenação muscular

  • Torções articulares

  • Lesões e ligamentos frágeis

  • Dermatite

  • Convulsões

  • Resistência periférica à insulina

  • Redução de hormônios sexuais

  • Processos alérgicos

  • Despigmentação capilar precoce

 

Aplicações Clínicas da Suplementação de Manganês (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Gestação

  • Epilepsia

  • Diabetes mellitus

  • Baixa taxa de hormônios sexuais

  • Osteoporose

  • Processos alérgicos em geral

  • Urticária e pruridos

  • Eczema atópico

  • Edema de Quinke

  • Conjuntivite alérgica

  • Rinite alérgica

  • Bronquite alérgica

  • Coriza espasmódica

  • Alergias alimentares

  • Síndrome hiper-reativa

  • Polimenorréia

  • Algias (dores) difusas migratórias sem lesões ou deformações articulares

  • Despigmentação capilar

  • Câncer (SOD exerce efeito protetor contra o dano oxidativo e modula a eficácia de drogar quimioterápicas)

Informação Nutricional: Porção de 2 ml (35 gotas)
Manganês: 0,57 mg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas, Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”. 140 gotas equivalem a 100% da IDR para adultos.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Manganês- Cobre

 

Benefícios da Suplementação de Manganês-Cobre:

Esse suplemento une a ação anti-histamínica do Manganês com as ações anti-inflamatória e antibiótica do Cobre.

Sua suplementação é importante em indivíduos com infecções reincidentes e processos alérgicos, especialmente do trato respiratório (superior e inferior).

Aplicações Clínicas da Suplementação de Manganês-Cobre (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Síndrome hipo-reativa

  • Infecções recidivantes das vias aéreas superiores

  • Rinites

  • Otites

  • Faringites

  • Sinusites

  • Bronquites

  • Rinofaringites

  • Anginas

  • Cistites recidivantes

  • Colite

  • Sigmoidite

  • Reto colite

  • Enurese noturna

  • Infecções crônicas

Informação Nutricional: Porção de 2 ml (35 gostas)
Manganês: 0,57 mg (25% VD)
Cobre: 225 mcg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas, Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”. 140 gotas equivalem a 100% da IDR para adultos.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Manganês- Vit B12

 

Benefícios da Suplementação de Manganês-Vitta B12:

A vitamina B12 é essencial para diversas reações bioquímicas, como: redução de ácidos ribonucléicos, biossíntese de metionina, isomerização de metilmalonato em succinato, entre outras reações. Sua principal função no ser humano é agir como cofator enzimático. As três principais classes de enzimas dependentes dessa vitamina são isomerases, metiltransferases e as de-halogenases reduzidas. Dessa forma, essa vitamina é necessária para ressíntese de metionina a partir da homocisteína.  Assim, a deficiência do nutriente pode causar hiper-homocisteinemia. Essa vitamina atua, ainda, na desmetilação da metil-tetra-hidrofolato para gerar tetra-hidrofolato, necessário para a síntese de DNA. A mesma é essencial no metabolismo dos ácidos graxos, agindo como intermediário no ciclo dos ácidos tricarboxílicos. A enzima dependente desse nutriente, a metilmalonil-CoA mutase, age no metabolismo do ácido propiônico convertendo a enzima em succinil-CoA. Assim a deficiência de vitamina B12, ou alteração de seu metabolismo, poderia causar um comprometimento do metabolismo do ácido propiônico (com acúmulo de metilmalônico), fato esse que pode ser responsável pelos danos neurológicos relacionados à deficiência da vitamina. Quando associada com o Manganês (considerando a ação do mesmo na tonicidade das paredes dos vasos sanguíneos), é possível notar uma melhora no sistema cardiovascular, especialmente no retorno venoso, melhorando também a oxigenação.

 

Sintomas da Deficiência de Vitamina B12:

Os grupos de risco, para a deficiência dessa vitamina são idosos, pacientes submetidos à cirurgia bariátrica, gestantes, crianças e veganos.

  • Fadiga

  • Neuropatia periférica e sensorial

  • Alterações na língua e boca

  • Anemia macrocítica

  • Anemia perniciosa (megaloblástica)

  • Confusão mental

  • Perda de memória

  • Demência

  • Alucinações

  • Baixa coagulação sanguínea

  • Hematomas

  • Dermatite e sensibilidade de pele

  • Perda de apetite

  • Náuseas e vômitos

  • Tosse crônica

 

Aplicações Clínicas da Suplementação de Manganês-Vitta B12 (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Síndrome  distônica

  • Precordialgias

  • Acidentes vasculares

  • Claudicação intermitente

  • Hipertensão arterial

  • Doença de Raynound

  • Cefaléias difusas

  • Acrocianose

  • Varizes

  • Hemorróidas

  • Parestesias

  • Cãibras

  • Gastrite

  • Aerogastria

  • Duodenite

  • Ulcera gástrica

  • Ulcera duodenal

  • Discinesia das vias biliares

  • Colopatias funcionais

  • Enfisema pulmonar

 

Informação Nutricional: Porção de 2 ml (35 gotas)
Manganês: 0,57 mg (25% VD)
Vitamina B12: 0,60 mcg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas, Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”. 140 gotas equivalem a 100% da IDR para adultos.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Magnésio

 

Benefícios da Suplementação de Magnésio:

O Magnésio realiza a ativação de inúmeras enzimas, as quais participam do metabolismo de carboidratos, lipídeos, proteínas e eletrólitos. Destacam-se as seguintes funções: síntese de ácidos graxos, ativação de aminoácidos, síntese de proteínas, fosforilação da glicose e seus metabólitos na via glicolítica, descarboxilação oxidativa do citrato, reações de transcetolase, formação de adenosina monofosfato cíclico em 100 reações, transporte de íons Potássio e Cálcio, estabilização da estrutura de ATP (adenosina trifosfato) no músculo e nos tecidos moles, transformação de Vitamina D3 na sua forma ativa (1,25-di-hidroxivitamina D3) e regulação do metabolismo do Cálcio para manutenção da homeostase sanguínea e formação  da matriz óssea.

 

Sintomas da Deficiência de Magnésio:

  • Hipocalemia (deficiência de Cálcio)

  • Hiperexcitabilidade neuromuscular

  • Anorexia

  • Vômitos

  • Confusão mental

  • Alterações de personalidade

  • Dores de cabeça tensionais

  • Coma

  • Convulsões

  • Tremor

  • Formação inadequada da matriz óssea

  • Diminuição do crescimento ósseo

  • Redução do número de osteoblastos e aumento de osteoclastos

  • Hipertensão arterial

  • Doenças cardiovasculares

 

Aplicações Clínicas da Suplementação de Magnésio (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Ansiedade, Irritabilidade, Nervosismo, Insônia e hiperatividade

  • Dores de cabeça tensionais

  • Diabetes tipo I e II (a doença causa deficiência desse nutriente)

  • Obstipação

  • Cãibras noturnas

  • Movimentos involuntários (espasmos noturnos)

  • Hiperexcitabilidade neuromuscular

  • Colites

  • Síndrome do cólon irritado

  • Dispnéia asmatiforme

  • Hipertensão arterial

  • Arritmias cardíacas

  • Eretismo cardíaco com palpitações

  • Precordialgias de caráter anginoso

  • Tremores nas extremidades

  • Nevralgias

  • Artroses

  • Síndrome articular dolorosa adulta

 

Informação Nutricional: Porção de 2 ml (35 gotas)
Magnésio: 65 mg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas, Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”. 140 gotas equivalem a 100% da IDR para adultos.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Molibdênio

 

Benefícios da Suplementação de Molibdênio:

O Molibdênio é um desintoxicante natural, pois atua como cofator de enzimas xantina oxidases (xantina desidrogenase, aldeído oxidase, piridoxal oxidase e nicotinato hidroxilase) e sulfito oxidases (responsáveis pela conversão de sulfito em sulfato, sendo o sulfito tóxico para o sistema nervoso e presente em muitos alimentos e medicamentos).  Além disso, estudos epidemiológicos indicaram um aumento de 30% na taxa de câncer esofágico em populações com baixo consumo de molibdênio nos EUA. Sendo assim, é pressuposto que compostos com molibdênio possuem atividade anticancerígena. Nesse caso é interessante associar o consumo de tetratiomolibnato (TM).

 

Sintomas da Deficiência de Molibdênio:

  • Insuficiência Hepática

  • Intoxicação por sulfitos

  • Intoxicações alimentares

  • Mal estar

  • Esteatose hepática

  • Enxaquecas de origem alimentar

  • Meteorismo

  • Anorexias tóxicas

 

Aplicações Clínicas da Suplementação de Molibdênio (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Sensibilidade a sulfitos

  • Tratamentos medicamentosos prolongados

  • Intoxicação alimentar

  • Intoxicação alcoólica

  • Exposição intensa à substâncias tóxicas

  • Esteatose hepática

  • Cirrose hepática

  • Insuficiência hepática

Informação Nutricional: Porção de 2 ml (35 gotas)
Molibdênio: 11,2 mcg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas, Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”. 140 gotas equivalem a 100% da IDR para adultos.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Multilise

 

Benefícios da Suplementação de Multilise:

O Multilise é um suplemento antioxidante e anti-envelhecimento. Esse suplemento melhora a qualidade do sono, estimulando a produção da melatonina e do hormônio do crescimento. Além dos benefícios dos 3 minerais presentes em sua composição, ele conta com os benefícios da Vitamina E. Essa vitamina possui propriedades antioxidantes, pois age sobre radicais peroxil e alcoxil em ambientes lipídicos, prevenindo a peroxidação lipídica nas lipoproteínas e membranas celulares, especialmente no tecido nervoso. Além disso, o consumo de Vitamina E pode prevenir o aumento dos níveis de proteína C reativa, elevar a liberação de óxido de nítrico (estimulando a vasodilatação e melhor função endotelial) e reduzir os níveis circulantes de colesterol e de citocinas pró-inflamatórias.

 

Sintomas da Deficiência de Vitamina E:

  • Neuropatia periférica

  • Ataxia espinocerebelar (semelhante à labirintite)

  • Miopatia esquelética

  • Retinopatia pigmentada

  • Anemia hemolítica

  • Aumento de radicais livres (espécies reativas de oxigênio)

 

Aplicações Clínicas da Suplementação de Multilise (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Melhora a qualidade do sono

  • Anti oxidante

  • Estresse físico

  • Estado de esgotamento cerebral

  • Estimulante metabólico

  • Emagrecimento

  • Lipodistrofias (celulite)

  • Aumenta a elasticidade e tonificação

  • Estimula a síntese de elastina e colágeno da pele

  • Aumenta o tônus do tecido muscular

  • Menopausa

  • Somatopausa

  • Fortalece unhas e cabelos

Informação Nutricional: Porção de 2 ml (35 gostas)
Fósforo: 175 mg (25% VD)
Selênio: 8,5 mcg (25% VD)
Magnésio: 65 mg (25% VD)
Vitamina E: 2,5 mg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas, Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”. 140 gotas equivalem a 100% da IDR para adultos.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Multiminerais

 

Benefícios da Suplementação de Multiminerais:

O Multiminerais é um suplemento composto por: Vitamina A, Ferro, Zinco, Magnésio, Cobre, Manganês, Molibdênio, Flúor e Selênio.   A Vitamina A na forma retinal é necessária para a transdução da luz em sinais neurais necessários para a visão. O ácido retinoico é necessário para a manutenção da diferenciação normal da córnea e das membranas conjuntivas, prevenindo a xeroftalmia, bem como para os fotorreceptores e para as células de cone. A vitamina também se combina com a proteína opsina, para formar os pigmentos fotossensíveis, rodopsina e iodopisina, nas hastes e cones dos olhos, responsáveis pela visão. Ela ainda atua na expressão gênica de proteína estruturais, sendo fundamental para a manutenção da integridade das células epiteliais; na secreção e proliferação de linfócitos; e na secreção de hormônio do crescimento (GH).    

 

Sintomas da Deficiência de Vitamina A:

  • Xeroftalmia (cegueira noturna)

  • Xerose conjuntival

  • Mancha de Bitot

  • Xerose corneal

  • Ulceração da córnea

  • Hiperqueratose folicular (ressecamento da pele)

  • Retardo no crescimento

  • Aumento no risco de infecções

  • Anemia
    *Estudos apontam que no Brasil, cerca de 70% das crianças em idade pré-escolar apresentam deficiência de retinol.
    *A deficiência de Zinco causa uma conseqüente deficiência de Vitamina A, que causa deficiência de Ferro. Assim é importante a suplementação concomitante dos três nutrientes.
    *Pacientes bariátricos costumam apresentar deficiência dessa vitamina.

Aplicações Clínicas da Suplementação de Multiminerais (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Gestação

  • Pacientes bariátricos

  • Crianças

  • Estimulante e regulador do sistema imunológico

  • Leucopenias

  • Anemia ferropriva

  • Doenças auto-imunes

  • Pós operatório

  • Remineralizante

  • Praticantes de atividade física

  • Atletas

  • Má alimentação

Informação Nutricional: Porção de 2 ml (35 gotas)
Ferro: 3,5 mg (25% VD)
Zinco: 1,7 mg (25% VD)
Magnésio: 65 mg (25% VD)
Cobre: 225 mcg (25% VD)
Manganês: 0,57 mg (25% VD)
Molibdênio: 11 mcg (25% VD)
Flúor: 1,0 mg (25% VD)
Selênio: 8,5 mcg (25% VD)
Vitamina A: 150 mcg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas, Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”. 140 gotas equivalem a 100% da IDR para adultos.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Neurocell

 

Benefícios da Suplementação de Neurocell:

O Neurocell é um suplemento composto por: Magnésio e Selênio.

Esse suplemento auxilia o relaxamento, melhora a qualidade do sono, reduz o estresse e a ansiedade. Atua também sobre a depressão em conjunto com o Cobre-Magnésio.


Aplicações Clínicas da Suplementação de Neurocell (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Estresse e Insônia

  • Angústia, Ansiedade e Síndrome do pânico

  • Depressão

  • Distúrbios bipolares

  • Emotividade

  • Irritabilidade e Agressividade

  • Psicopuridos e Psicodermatose

  • Anorexia nervosa

  • Alterações de comportamento

  • Manifestação psicossomáticas

  • Perturbações da adaptação familiar e profissional

  • Dificuldade de inserção no circulo familiar e escolar

  • Espasmofilia

  • Fibromialgia

  • Idosos com tendência a depressão

Informação Nutricional: Porção 2 ml (35 gotas)
Magnésio: 65 mg (25% VD)
Selênio: 8,5 mcg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas, Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”. 140 gotas equivalem a 100% da IDR para adultos.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Selênio

 

Benefícios da Suplementação de Selênio:

O Selênio é um importante mineral com ação antioxidante que atua em todas as células.  O mineral compõe as  25 selenoproteínas, responsáveis por funções bioquímicas específicas.

 

O Selênio é necessário para a síntese de glutationa peroxidase, enzima que combate o estresse oxidativo. O mesmo potencializa a atividade antioxidante da Vitamina E,  ajuda a reduzir a peroxidação lipídica e a neutralizar os radicais peróxidos de hidrogênio. Além disso, o mineral possui ação detoxificante, pois auxilia a eliminação de metais pesados (mercúrio, cádmio e arsênio).

 

Um estudo mostrou que a deficiência de Selênio reduz a conversão de T4 em T3 nos tecidos que contêm a deiodinase tipo I. Considerando que o T3 seja a forma ativa do hormônio, pode ser necessária a suplementação do Selênio nesse caso e não apenas do Iodo. Além disso, o Selênio age sobre a fertilidade em homens, pois sua concentração nas gônadas masculinas influencia a higidez dos espermatozoides e a redução do estresse oxidativo.

 

O mineral possui também ação direta sobre o sistema imunológico: possui atividade antiviral; produz  interferon-g e citocinas; modula a produção de prostaglandina E2, tromboxanos e prostaciclina I2; participa na síntese de imunoglobulinas e ubiquinona (Coenzima Q10); aumenta os níveis de linfócitos T e a atividade de células natural killer. A deficiência do mineral favorece a síntese de leucotrieno A4 e seus derivados, que são pró-inflamatórios. Outra função importante do mineral é  inibir a reversão  da atividade de transcrição do RNA do vírus HIV. A suplementação pode prevenir a replicação do vírus  e retardar o aparecimento da síndrome da imunodeficiência adquirida (AIDS) em recém-infectados, pois o  Selênio parece melhorar os sintomas em pacientes e diminuir a velocidade do curso da doença.

 

Sua atuação na prevenção e tratamento da catarata se dá pela necessidade de Selênio na atividade da glutationa peroxidase nos olhos e pela sua ação detoxificante em na catarata induzida pelo acúmulo de metilmercúrio.

 

Estudos mostram que há uma associação entre os níveis de Selênio e alterações no perfil lipídico, com possível desenvolvimento de doenças cardiovasculares. Conforme a redução dos níveis de Selênio, há maior predisposição a formação excessiva de plaquetas e conseqüentemente agregação plaquetária. Essa característica coloca o Selênio como nutriente importante na prevenção de acidentes vasculares e trombose. Além disso, a suplementação do mesmo mostrou efeitos positivos no aumento da superóxido dismutase em pacientes infartados, além da redução da peroxidação lipídica.

 

Os efeitos anticancerígenos do Selênio podem ser conseqüência da capacidade do micronutriente de aumentar a atividade do sistema imune, proteção antioxidante  ou ainda, da sua capacidade de produzir metabólitos anticancerígenos que alteram o metabolismo das células tumorais, inibem a angiogênese e induzem a apoptose das mesmas.  De maneira geral os estudos associaram a suplementação de Selênio à prevenção e tratamento do câncer gástrico, de esôfago, de pulmão, de próstata, de ovário, carcinoma hepatocelular, de intestino grosso, de reto e leucemia.

 

Sintomas da Deficiência de Selênio:

  • Desordens sistêmicas esqueléticas

  • Déficit imunológico

  • Infecções

  • Infecções da vias aéreas inferiores

  • Gripes

  • Neoplasmas

  • Dores musculares

  • Fadiga e fraqueza muscular

  • Aumento dos níveis séricos de creatina quinase

  • Perda de massa magra

  • Manchas brancas nas unhas

  • Acumulo de metais pesados

  • Catarata

  • Artrite reumatóide

  • Doenças cardiovasculares

  • Agregação plaquetária

  • Redução da coenzima Q10 nos tecidos

 

Aplicações Clínicas da Suplementação de Selênio (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Gestação (no nono mês: limita o sofrimento fetal no caso de hipóxia)

  • Déficit imunológico

  • Linfocitopenia

  • Infecções recidivantes

  • Aftas

  • Gripes

  • AIDS (principalmente em recém-infectados)

  • Inflamações crônicas

  • Diabetes mellitus

  • Baixos níveis de T3 e T4 normal ou aumentado

  • Acúmulo de metais pesados

  • Catarata

  • Miopia (fase inicial)

  • Artrite reumatóide

  • Doenças cardiovasculares

  • Anginas

  • Doença de Keshan

  • Hiperagregabilidade plaquetária

  • Trombose

  • Redução da fertilidade masculina

  • Impotência sexual

  • Frigidez sexual

  • Envelhecimento precoce

  • Queda de cabelos

  • Senilidade

  • Excesso de radicais livres

  • Tecidos neo-formados

  • Prevenção de estrias

  • Cirurgias (melhora a cicatrização)

  • Envelhecimento cutâneo

  • Unhas quebradiças e/ou deformadas e/ou com manchas brancas

  • Tratamentos prolongados e radioterapia

  • Hepatite viral e medicamentosa

  • Hepatopatias

  • Aumento dos níveis séricos de creatina quinase

  • Perda de massa magra

  • Uricemia

  • Uremia

 Informação Nutricional: Porção de 2 ml (35 gotas)
Selênio: 8,5 mcg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas,Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Vitta C

 

Benefícios da Suplementação de Vitta C:

Além dos benefícios dos 4 minerais presentes nesse suplemento, destacando as ações sobre o sistema imunológico, inflamações e infecções, ele conta com os benefícios da Vitamina C. Essa vitamina atua como um potente agente antioxidante, cofator em reações que necessitam a redução de metaloenzimas de ferro e cobre e confere proteção ao ácido fólico. Ela é essencial para a hidroxilação dos resíduos de prolina e lisina, para a formação de hidroxiprolina, consequentemente, para produção de colágeno e para metilação de lisina e metionina, essenciais à síntese de carnitina. 

 

A Vitamina C  é necessária para a síntese de catecolaminas e hormônios do estresse. Também atua na inibição da liberação de histamina,  no aumento da produção de leucócitos e dos níveis imunoglobulinas, na produção de interferon e na modulação da síntese de prostaglandinas.

Sintomas da Deficiência de Vitamina C:

  • Dificuldade de cicatrização

  • Alterações da pele

  • Coloração amarelo pálido na pele

  • Hiperqueratose folicular

  • Sangramento em músculos de grande utilização

  • Fraturas

  • Fragilidade dos dentes

  • Lesões em tecidos conectivos

  • Fragilidade capilar

  • Hemorragias e Hematomas

  • Fraqueza muscular

  • Gengivite e sangramento gengival

  • Anemia

  • Falta de apetite

  • Danos ao crescimento

  • Dores nos tendões e inchado nas articulações

Aplicações Clínicas da Suplementação de Vitta C (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Regula o sistema imunológico

  • Atua sobre a esfera otorrinolaringológica

  • Antioxidante

  • Anti infeccioso

  • Anti inflamatório

  • Gripes

  • Viroses

  • Bronquite

  • Artrite e poliartrite

  • Reumatismo articular

  • Acne

  • Dificuldade de cicatrização

Informação Nutricional: Porção de 2 ml (35 gotas)
Cobre: 225 mcg (25% VD)
Magnésio: 65 mg (25% VD)
Manganês: 0,57 mg (25% VD)
Zinco: 1,7 mg (25% VD)
Vitamina C: 45 mg (100% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas,Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Vitta – Sele

 

Benefícios da Suplementação de Vitta B6:

O VITTA SELE é um suplemento antioxidante completo graças a sinergia do Selênio com as Vitaminas A e E.

 

Além disso, a Vitamina E possui a capacidade de reduzir a proliferação celular, devido ao seu efeito inibitório sobre a proteína quinase C (PKC) e B (PKB), e a Vitamina A atua na expressão gênica de proteína estruturais; essas duas funções, combinadas ao efeito antioxidante, atuam na prevenção o câncer.


Aplicações Clínicas da Suplementação do Vitta Sele (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Revitalizante celular

  • Antioxidante

  • Combate excesso de radicais livres

  • Anticancerígeno

  • Anti senescente 

  • Auxilia a recuperação em caso de enfarte

  • Auxilia a recuperação em caso de trombose 

  • Artrite

  • Degeneração celular

  • Idosos

  • Neoplasias

Informação Nutricional: Porção 2 ml (35 gotas)
Selênio: 8,5 mcg (25% VD)
Vitamina A: 150 mcg (25% VD)
Vitamina E: 2,5 mg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas,Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Zinco

 

Benefícios da Suplementação de Zinco:

O Zinco é cofator enzimático em mais de 200 metaloproteínas e mais de 50 enzimas, exercendo papel catalítico, estrutural, e regulador das metaloenzimas (álcool desidrogenase,  retinol desidrogenase, malato desidrogenase, carboxipeptidases A e B, superóxido dismutase, anidrase carbônica, RNA polimerase e fosfatase alcalina). Consequentemente à sua ação como cofator, o mineral possui propriedade antioxidante (devido a sua atuação sobre a superóxido dismutase), está envolvido no metabolismo da somatomedina, na modulação da prolactina, na ação da insulina e de hormônios do timo, tireoide, suprarrenal e testículos.

 

O Zinco é importante também para o funcionamento adequado de linfócitos e fibroblastos, exercendo atividade antiviral. Participa ainda de processos bioquímicos como respiração celular, reprodução do DNA, manutenção da integridade da membrana celular e regulação da expressão gênica. Além disso, o mesmo é necessário na função sexual, pois atua na maturação do esperma, na ovulação e na fertilização. Está envolvido também na percepção sensorial (tato, olfato, visão e percepção do sabor salgado), na cicatrização de feridas, queimaduras e cicatrizes cirúrgicas, no controle de vitamina A estocada no fígado, na atividade da Vitamina D,  na síntese do grupo heme da hemoglobina.

 

Acredita-se que o Zinco possa ser um sinalizador endógeno do sistema nervoso central, sendo liberado com o objetivo de exercer função sináptica.  O mineral participa da formação da enzima metalotioneína, cujo desequilíbrio pode contribuir para o desenvolvimento do autismo, hiperatividade e distúrbios de atenção. Além de baixos níveis plasmáticos de Zinco estarem relacionados ao desenvolvimento de Diabetes e doenças cardiovasculares, foi constatado que essa deficiência do mineral pode afetar a utilização dos hormônios tireoidianos, sendo que, sua suplementação é eficaz para reverter esses quadros de desequilíbrio endócrino.

 

Sua ação sobre a acne é satisfatória (ver Zinco-Cobre), pois o mesmo age sobre a quimiotaxia da bactéria L. pneumophila, uma das responsáveis pelo inicio do processo inflamatório , sendo ainda, a única forma segura de tratamento de acne em gestantes. Para as gestantes, o Zinco, além de essencial para a formação do feto, possui inúmeros benefícios: previne acne, queda de cabelo, indigestão, obstinação, alteração de humor (esses primeiros sintomas são causados pela suplementação de ácido fólico), trabalho de parto prolongado, hemorragia pós-parto, hipertensão e diabetes gestacional.

 

O Zinco é essencial para o sistema imune, sua deficiência afeta múltiplos aspectos  da imunidade inata e adaptativa. Os efeitos terapêuticos do uso do Zinco têm sido observados na  diarreia infantil, cirrose secundária à hepatite C, shiguelose, lepra, tuberculose, pneumonia, infecções agudas do trato respiratório, resfriado comum e leishmaniose. Os níveis de Zinco possuem um papel central na transdução do sinal de inflamação e no controle da apoptose. Sua deficiência causa  redução na síntese de imunoglobulinas, diminuição da resposta  do anticorpo mediado pelas células T, redução da atividade das células natural killer.

 

Sintomas da Deficiência de Zinco:

  • Pele amarelada

  • Acne

  • Eczema e psoríase

  • Retardo na cicatrização de feridas e úlceras de decúbito

  • Hiperplasia prostática benigna

  • Unhas frascas, quebradiças e/ou com manchas

  • Cabelos secos e quebradiços

  • Gripe comum

  • Estrias durante a gestação

  • Olfato e paladar prejudicados

  • Hipogonadismo

Fotofobia, cegueira noturna, movimentos involuntários/cíclicos do globo ocular – A deficiência de Zinco leva a uma deficiência de Vitamina A, pois o mineral atua como cofator da enzima responsável pela conversação de b-caroteno em Vitamina A (retinal redutase).

 

Aplicações Clínicas da Suplementação de Zinco (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Gestação

  • Crescimento

  • Osteoporose

  • Fumantes (apresentam deficiência de Zinco)

  • Autismo

  • Hiperatividade

  • Distúrbios  de atenção

  • Hipogeusia

  • Doenças inflamatórias no intestino

  • Suscetibilidade a infecções

  • Atrofia do timo

  • Linfocitopenia

  • Astenias

  • Psoríase

  • Acne

  • Fotofobia e falta de adaptação à escuridão

  • Alcoolismo

  • Diabetes tipo I e II

  • Disfuncionamento pancreático

  • Aterosclerose

  • Alterações do sistema nervoso

  • Alterações hipofisiárias

  • Retardo na maturação sexual

  • Impotência sexual

  • Síndrome adiposa genital

  • Diminuição do fluxo menstrual

  • Disfuncionamento tireoidiano

  • Hipotireoidismo

  • Dificuldade na regeneração tissular

  • Adenoma prostático

 Informação Nutricional: Porção 2 ml (35 gotas)
Zinco: 1,7 mg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas,Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

 

>> Zinco-Cobre

 

Benefícios da Suplementação de Zinco Cobre:

Esse suplemento é composto por zinco e cobre. Sua ação ocorre principalmente no eixo hipófise-gonadal, ou seja, sobre os hormônios sexuais.

 

O zinco é o mineral mais envolvido produção e ação de hormônios.

Consequentemente à sua ação como cofator, o mineral possui propriedade antioxidante (devido a sua atuação sobre a superóxido dismutase), está envolvido no metabolismo da somatomedina, na modulação da prolactina, na ação da insulina e de hormônios do timo, tireoide, suprarrenal e testículos. O zinco é necessário na função sexual, pois atua na maturação do esperma, na ovulação e na fertilização.

 

O Cobre atua como cofator em sistemas enzimáticos: monoamina oxidase, diamina oxidase, lisil oxidase, ceruloplasmina, tirosinase e superóxido dismutase.

 

Aplicações Clínicas da Suplementação do Zinco Cobre (Orientada por médico ou nutricionista):

  • Peles oleosas e acneicas

  • Síndrome neuroendócrina hipófise-gonadal

  • Retardo no desenvolvimento pondo-estatural

  • Atraso na maturação sexual

  • Estimulação glandular

  • Desfuncionamento ovariano e do ciclo menstrual

  • Impotência sexual

  • Desinteresse sexual

  • Disfunção tireoidiana

  • Distúrbios hormonais na menopausa

  • Andropausa

  • Importante a suplementação durante a puberdade

*Não suplementar em caso de Câncer de Próstata

 

Informação Nutricional: Porção 2 ml (35 gotas)
Zinco: 1,7 mg (25% VD)
Cobre: 225 mg (25% VD)

“Não contém quantidade significativa de Valor Energético, Proteínas,Gorduras Totais, Gorduras Saturadas, Gorduras Trans, Fibra Alimentar e Sódio”.

Conteúdo: 60 ml

 

Instruções de uso:

Adultos: Ingerir 35 gotas por dia.

Crianças/Adolescentes: consultar a posologia com médico/nutricionista ou entrar em contato com a Indústria.

 

Venha nos visitar e conhecer mais sobre a Biocell!

 

A sua saúde em boas mãos.

 

 

Fonte: Articulista Natália F. Jonas (Instagram @nfeksa)

 

 

Referência bibliográfica:

Informações da Biocell

Paschoal, V.; Marques, N.; Cant’Anna, V. Nutrição Cínica Funcional: Suplementação. São Paulo: Valéria Paschoal Editora Ltda, v. 1, 2015.

Padrazzi, Pierre. l’ Oligotherapie Reactionnelle. Ed. Similia.

Ménétriér, Jean.  A medicina das funções. Ed. Organon.

 

 

Please reload

Gostou e quer encomendar?
         51 99702.5060
       

Beleza de dentro para fora. | SiliciuMax®

4 Jul 2019

1/6
Please reload

Posts Recentes
Please reload