Você quer combater a celulite?

Entendendo o que é a Celulite:

Lipodistrofia Ginóide é o nome técnico e correto da “celulite”, já que o termo também se refere à infecção bacteriana do subcutâneo, mas fora da esfera médica o termo já está consagrado. Afeta 85% a 98% das mulheres após a puberdade e é causada por alterações no tecido gorduroso sob a pele, em conjunto com alterações na microcirculação e o consequente aumento do tecido fibroso. Essa alteração é causada pelo acúmulo de gordura, água e toxinas nas células, fazendo com que essas células fiquem cheias e endurecidas. Esse processo deixa o local com desníveis

e nódulos, manifestando externamente os furinhos indesejados e deixando a pele com

o aspecto de "casca de laranja".

A celulite não é considerada uma doença, mas pode causar desconforto por causa da aparência que confere à pele.


Infográfico Celulite


Hoje existem diversos tipos de escalas para medir o grau de celulite e então identificar o melhor tratamento para cada caso. Algumas das escalas mais conhecidas dividem a celulite em 4 estágios, conforme apresentado abaixo.

Conheça os graus de celulite e veja em qual você está:

Grau 1: Não há alterações visíveis na pele e os furinhos somente são detectados quando os músculos estão contraídos.

Grau 2: Os furinhos já são percebidos sem a contração da pele.

Grau 3: O efeito "casca de laranja"espalha-se pelo bumbum e pelas coxas. Há nódulos pequenos e médios endurecidos e as pernas ficam mais pesadas e cansadas devido à dificuldade da circulação sangüínea.

Grau 4: Está associado a um grande excesso de peso, já que o acúmulo de gordura é terreno fértil para a celulite se instalar. Os nódulos têm cerca de três centímetros de largura; as depressões são profundas e o contorno corporal está disforme. Os tratamentos indicados são mais severos e os resultados menores e mais demorados.



CAUSAS

A principal causa da celulite é uma alteração com características hereditárias, ou seja, existe uma predisposição genética associada ao próprio hormônio feminino, que se soma a um problema de alteração circulatória local, também relacionado a uma diminuição da drenagem linfática natural. A soma destes fatores resulta no aparecimento desta aparência da pele, que chamamos de

celulite, comum nas covas das ancas, coxas, nádegas e abdome.

A celulite se desenvolve na parte mais superficial das três camadas de gordura existentes abaixo da epiderme e derme, conhecida como hipoderme ou camada subcutânea de gordura. As células de gordura na hipoderme estão organizadas em câmaras de fios de tecido conjuntivo. A armazenagem de gordura e o metabolismo das células adiposas reagem apenas aos hormônios,

e pouco às dietas e exercício. Estas células adiposas, presentes nas duas camadas de reserva de gordura, se encontram por baixo da hipoderme e estão dispersas numa rede solta.

Dependendo da dieta e do exercício, é variável o grau de armazenagem de gordura e de metabolismo nestas camadas.

Em especial, relaciona-se a celulite aos hormônios femininos, pois se observa que ela se desenvolve durante os períodos de mudança hormonal, tais como a puberdade, a menopausa, a síndrome pré-menstrual, a gravidez e durante o início do uso da pílula. Os hormônios comandam mudanças na circulação sanguínea, na drenagem linfática, na gordura e no tecido conjuntivo, o que provoca a formação da celulite. Também se atribui a celulite a alguns fatores externos como cigarro, estresse, má alimentação, poluição, falta de exercícios físicos e quantidade insuficiente de água ingerida, provocando a sua piora com o passar dos anos. A idade é acompanhada de perda de consistência e tonalidade do tecido conjuntivo, o que torna a celulite mais visível e flácida.

A celulite é multifatorial. E o fator hormonal, o mais importante, não pode ser excluído. Da mesma forma, é impossível parar o tempo, outro fator que influencia no aparecimento e agravamento da celulite. Ela é progressiva, piora com a idade.


FATORES DE RISCO

A ocorrência da celulite é bem mais comum entre as mulheres do que entre os homens. Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia, oito em cada 10 mulheres têm algum grau de celulite. Isso ocorre porque é mais comum nesse sexo a gordura se acumular nas coxas, quadris e nádegas – áreas comuns para a celulite. Também é mais frequente nas mulheres devido à estrutura das fibras do tecido conjuntivo feminino, que é diferente da do homem, o que

propicia o aparecimento da celulite.

Ter celulite não significa que você está acima do peso. Até mesmo pessoas magras podem ter. Mas, se você está acima do peso, a perda de peso pode reduzir a celulite.

Outros fatores que influenciam a quantidade de celulite que você tem e como é

visível incluem:

 Má alimentação;

 Dieta rica em gordura;

 Metabolismo lento;

 Sedentarismo;

 Alterações hormonais;

 Desidratação;

 Gordura corporal total;

 Espessura e cor da sua pele, sendo que a celulite tende a ser menos

visível na pele mais escura.

SINTOMAS DE CELULITE

A pele com celulite parece ter covinhas ou depressões. Às vezes é descrita como a casca de uma laranja. Em alguns casos, a celulite pode ser vista apenas quando a pele é comprimida. Para as celulites mais graves a pele parece acidentada, com áreas de picos e vales.

A celulite é mais comum em torno das coxas e nádegas, mas podem ser encontrada nos seios, abdômen inferior e braços.

Os casos mais iniciais são assintomáticos, mas os mais adiantados podem

incluir:

 Região mais fria;

 Endurecimento, dor e sensibilidade;

 Pele com aspecto irregular.

BUSCANDO AJUDA MÉDICA

Celulite não é uma condição médica grave, e o tratamento não é absolutamete

necessário. Na verdade, a celulite pode ser considerava inclusive uma

ocorrência quase normal. No entanto, ela pode ser um indicativo de um estilo

de vida errada que pode ter outras consequências mais sérias.

Caso você estiver preocupado com a aparência de sua pele ou apresentando

sintomas de celulite grave, marque uma consulta com seu dermatologista. O

diagnóstico de celulite envolve apenas um exame físico. Ao chegar para sua

consulta, o médico ou a médica dermatologista irá diagnosticar e classificar sua

celulite somente analisando a situação da pele afetada.

TRATAMENTO DE CELULITE

Especialistas que podem diagnosticar ou acompanhar o tratamento da celulite

são:

 Dermatologista;

 Cirurgião Plástico.

Drenagem linfática

Indicada para todos os graus de celulite, tem melhores resultados nos casos

iniciais, a drenagem linfática é uma massagem voltada à melhora da circulação

local e eliminação de líquidos acumulados nos tecidos. A drenagem também

tem um papel importante na prevenção e nas regiões atingidas pela celulite

ajuda a diminuir pequenos nódulos de gordura aprisionados no tecido. O

método diminui a sensação de inchaço, e apesar de não reverter os casos mais

avançados, pode melhorar os sintomas.

Massagem modeladora

Enquanto a drenagem linfática estimula a eliminação do líquido acumulado no

corpo, a massagem modeladora atua tanto sobre o sistema linfático quanto

sobre as placas de gordura. Na verdade a massagem modeladora sozinha para

quebrar gordura praticamente não tem resultado mas combinada a aparelhos

com congelamento de gordura (Criolipolise), Laser , ultrassom ou ,

radiofrequência têm seus efeitos potencializados.

Creme anticelulite

Ainda não há uma solução definitiva contra a celulite. Os tratamentos também

dependem de uma alimentação equilibrada, da prática regular de exercícios, da

predisposição genética, entre outros fatores. O uso de cremes anticelulite deve

estar associado a outros tratamentos e hábitos saudáveis para surtir efeito. O

mercado oferece opções com Carnitina, Castanha da Índia, extrato de chá

verde e diversas outras composições. Em geral, a melhora da microcirculação

e o estímulo à produção de colágeno melhoram a celulite.

VEJA O QUE A BOAFORMULA OFERECE PARA VOCÊ:

IN:

1-CACTI-NEA: Drenagem linfática em cápsulas.

2-COMPOSTO PARA CELULITE: Pool de ativos que melhoram a circulação,

como Diosmina e Hesperidina, deixando a pele mais macia, como

Fosfolipídeos de Caviar, e ainda melhoram a saúde das células, como a

Proantocianidinas.

OUT:

1-CREME REDUTOR COM CARNITINA: Aminoácido que auxilia na eliminação

de gordura e de celulite.

2-CREME LIPOLITICO COM NANOCAFEÍNA: Ativo que auxilia na eliminação da

celulite.

Dicas para evitar celulite - Fuja de alimentos industrializados, condimentados ou enlatados, que têm muito sal - Não engorde - Beba água - Não tome refrigerante - Pratique exercícios - Evite ficar sentado por muitas horas e usar calças apertadas - Faça drenagem linfática - Use cremes anticelulite

783 visualizações

Fale Conosco

 

WhatsApp:  (51) 99702.5060

                  

                   

Fones:        (51) 3095.2001

                   (51) 3311.7898

                   (51) 3311.1144

 

Horário de Funcionamento

Segunda à Sexta

8:30 às 18:00

Sábado

9:00 às 13:00

Redes Sociais

  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone Blogger

Orçamentos por e-mail

envie a sua fórmula aqui:

 

 

Contato com Equipe de Vendas

boaformula@boaformula.com.br

 

Sugestões, Reclamações e Dúvidas

sac@boaformula.com.br

Venha Trabalhar Conosco!

trabalheconosco@boaformula.com.br

Endereço

Boaformula Farmácia de Manipulação

Av. Independência, 1163

Bairro Independência

Porto Alegre - RS - Brasil

CEP 90035-077

Advertência:
• Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado.
• Imagens ilustrativas.
• Pessoas com hipersensibilidade à(às) substância(s) não devem ingerir o produto.
• Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.
• Não use o medicamento com o prazo de validade vencido.
• Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da   luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.
• Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.
• Este medicamento não deve ser utilizado por gestantes e lactantes. 
• Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica.
• Os resultados dependem da correta utilização do produto, conforme descrito na posologia.
• Se persistirem os sintomas, o médico deverá ser consultado.

Venda mediante prescrição do profissional habilitado
As informações acima são de caráter informativo sem intenção de induzir a automedicação, não se trata de propaganda e sim descrição do produto, consulte sempre um profissional habilitado. 
O estabelecimento farmacêutico deve assegurar ao usuário informação e orientação quanto ao uso dos medicamentos solicitados por acesso remoto. RDC 44 de 17 de agosto de 2009, Artigo 58.

Boaformula

Farmácia de Manipulação e Suplementos Nutricionais

A sua saúde em boas mãos.

Porto Alegre | RS

CNPJ 94.629.169/0002-30