Pomegranato - A Super Fruta!




POMEGRANATO- 40% DE ÁCIDO ELÁGICO

Nome Científico: Punica granatum L. Família: Punicaceae

Parte Utilizada: casca


História


Mais conhecido como Romã no Brasil, o Pomegranate (Punica granatum) é nativo da Pérsia e das regiões do Himalaia Indiano, sendo a sua fruta amplamente consumida fresca e sob a forma de bebidas em diversas partes do mundo. O antigo sistema de medicina Ayurvédica tem utilizado extensamente a Romã como fonte de remédios tradicionais no subcontinente da Índia por milhares de anos. A fruta e a casca têm sido aplicadas contra diarréia, disenteria e parasitas intestinais; o suco e as sementes são considerados tônicos para o coração e a garganta.



Propriedades


A Romã (Pomegranate) é rica em Ácido Elágico, que age como antioxidante, rica em polifenóis, além de possuir vitamina C, Vitamina B5 e potássio. Possui ação clareadora da pele via oral, inibição da proliferação de melanócitos e da síntese de melanina. Tem propriedade antimicrobiana e antivirótica; já está comprovada a eficácia da romã como antibiótico natural. No caso de inflamações orais bacterianas e virais ex.inflamação das gengivas.


Estudos vêm mostrando que o Ácido Elágico pode ser um dos modos mais potentes para prevenir câncer, por inibir o crescimento de células cancerígenas, induzindo as células cancerígenas a apoptose além de impedir o crescimento em pessoas com predisposição à doença. Em nove anos de estudo com o Ácido Elágico, foi diagnosticado que ele inibe a divisão celular (mitose) e apoptoses em 72 horas para câncer no seio, pâncreas, esôfago, pele, intestino e células da próstata. Estudos também notificam que o Ácido Elágico, proporciona um sistema cardiovascular saudável, regula o nível de colesterol e ainda ajuda a reduzir os efeitos colaterais das quimioterapias em tratamento de câncer de próstata.


Indicações

  • Clareador da pele

  • Uso como suplemento antioxidante

  • Inflamações orais bacterianas e virais (gargarejos reduzem o quadro infeccioso e a febre em 24 horas)

  • Auxiliar nos tratamentos para manutenção do nível de colesterol, menopausa, osteoporose, Alzheimer, redução da perda de cartilagem em artrites


Estudo Clínico do Pomegranate com Ação Clareadora


Efeito Inibitório da Pigmentação Leve Cutânea Causada Pela Irradiação UV


Pesquisadores japonenes estudaram com o objetivo de avaliar clinicamente os efeitos clareadores do Pomegranate na pigmentação cutânea. Foi avaliada a pele humana após irradiação ultravioleta (UV) em mulheres entre 20 e 40 anos, divididas em 3 grupos de 30 voluntárias cada.


1° Grupo: 200 mg/d de Ácido Elágico;

2° Grupo: 100 mg/d de Ácido Elágico ;

3° Grupo: Controle (placebo).


As voluntárias foram tratadas durante 4 semanas e receberam a irradiação de 1,5 MED (Dose Eritematosa Mínima) na parte interna do antebraço. As medições avaliadas foram à luminescência, valores de melanina e eritema medidos antes do tratamento e após 1, 2, 3 e 4 semanas.


Resultados


1) Diminuição dos valores de luminescência:


1° Grupo: 1,75%;

2° Grupo: 1,35%.


2) Diminuição dos valores de luminescência em análise em voluntárias com leve queimação solar:


Os grupos 1 e 2 demonstraram diminuição dos valores de luminescência, comparado ao 3° Grupo.


O questionário respondido pelas voluntárias demonstrou:


Melhora nos itens: brilho/claridade, manchas e sardas da pele.


Conclusão:


Baseado nos resultados é sugerido que o Ácido Elágico do Extrato de Pomegranate, via oral, apresenta efeito inibitório da pigmentação leve da pele humana causada pela irradiação UV.

J Nutr Sci Vitaminol (Tokyo). 2006 Oct;52(5):383-8.


Posologia recomendada:


Pó: 225 a 450 mg/dia de Pomegranate Extract (equivale de 90 a 180mg de extrato de pomegranate com 40 % de Ácido Elágico)


Consulte o seu médico, nutricionista ou farmacêutico.


A sua saúde em boas mãos.




Fonte: Material do Fornecedor



346 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo