top of page

Dica Saudável | Ora-pro-nóbis em pó!



ORA-PRO-NÓBIS

Do latim "rogai por nós "



Introdução >> Fitoterapia, uso de plantas para a saúde integral


A missão da Dica Saudável é compartilhar dicas de saúde que promovam bem estar fisico e emocional! Hoje falaremos de uma Panc muito conhecida: a Ora pro nóbis.


A fitoterapia é o tratamento de doenças com plantas medicinais. A palavra fitoterapia vem do grego “phyton”, que significa vegetal, e “therapeia”, que significa tratamento.

Não há consenso sobre a origem dessa técnica, pois essa terapia surgiu em diferentes épocas, na China, por exemplo, teve início em 3.000 a.C. pelas mãos do imperador Cho-Chin-Kei, que relatou os benefícios da cânfora e do ginseng.


A fitoterapia consiste na produção de cápsulas, extratos e tinturas usando fitocomplexos, os princípios ativos das plantas em versão integral, ou seja, essas propriedades não passam por refinamentos ou qualquer outro processo que reduzam a quantidade dos princípios ativos.


O poder de cura das plantas é muito antigo, fazendo parte integrante da cultura de todos os povos da Terra, e cada vez mais esta sendo resgatado como uma forma de atingir a saúde plena, através de diversas técnicas para você integrar no seu dia a dia. A fitoterapia, reconhecida como tratamento, pela OMS desde 1978, explica cientificamente porque as plantas medicinais curam. A planta, á luz da Fitoterapia, é um conjunto de laboratórios fitoquímicos, que elaboram e armazenam pelo metabolismo secundário, compostos orgânicos de natureza complexa, denominados princípios ativos ou substâncias ativas, que são a base dos remédios fitoterápicos. Cada princípio ativo possui propriedades farmacológicas definidas. Uns são analgésicos, outros cicatrizantes, outros antibióticos, etc, etc.

A planta pode produzir os mesmos princípios ativos em todos os seus órgãos, e neste caso qualquer deles pode ser utilizado no preparo dos fitoterápicos, ou princípios ativos diferentes em cada órgão.

Os princípios ativos agem no organismo de uma maneira integrada, cada qual produzindo seus efeitos terapêuticos.

Para cada enfermidade há um grande número de plantas medicinais, que permitem serem escolhidas quais aquelas que não possuem efeitos colaterais e nem contra indicação.


Benefícios da fitoterapia

  • Proporciona maior contato com a natureza;

  • Uma única erva para tratar diferentes males;

  • Ajuda no combate de doenças infecciosas;

  • Auxilia no tratamento de doenças alérgicas;

  • Ajuda a acalmar.


Hoje compartilharemos sobre uma Pancs que ficou muito conhecida por seu percentual elevado de proteína e diversos benefícios fitoterápicos que veremos a seguir!


As Pancs nada mais são do que plantas alimentícias não convencionais. A sigla é bem autoexplicativa. Fazem parte das Pancs plantas que nós não consumimos como forma de alimento simplesmente por falta de costume ou de conhecimento. Contribui também o fato de elas não serem facilmente encontradas em mercados e geralmente serem consideradas "mato", "ervas daninhas" ou "invasoras" por crescerem espontaneamente junto com plantas que cultivamos. Jogando-as fora, estamos perdendo a oportunidade de consumir alimentos com um alto valor nutricional por falta de informação.


Mas nem sempre as coisas foram assim, antigamente as plantas alimentícias não convencionais eram consumidas, mas a falta de contato com a natureza que a vida na cidade proporcionou principalmente a partir do século XX, esses alimentos começaram a ser esquecidos. Estima-se que o número de plantas consumidas pelo homem caiu de 10 mil para 170 nos últimos cem anos. Só no Brasil há uma biodiversidade enorme a ser pesquisada que possui esse potencial - estima-se que o país tenha em torno de dez mil plantas com potencial uso alimentício. Vamos mudar essa realidade e incluir na nossa alimentação mais biodiversidade?

“Que o teu alimento seja o teu remédio e o que o teu remédio seja o teu alimento.” Imhotep