Dica Saúdavel | Orégano | Óleo essencial da defesa


Orégano

O óleo essencial da defesa

Nome cientifico: Origanum vulgare

Origem: provance

Obtenção: destilação a vapor

Coleção: Terra Flor essencial 5ml

Certificação: IBD Ingredientes Naturais


Os óleos essenciais são aliados na saúde física, mental e espiritual. Hoje na Dica Saudável falaremos sobre uma planta originaria das regiões da Ásia e Europa mediterrânea, é muito presente na alimentação na forma de tempero: o orégano. Seu nome deriva do grego orosganos, que significa “alegria da montanha”! Para os gregos, a erva tinha o poder mágico de trazer felicidade, além de diversos relatos de seu uso para manutenção da saúde do organismo, sendo indicada para resfriados, dores de estômago e indigestão. Conhecido botanicamente como Origanum Vulgare, sendo da mesma família da Hortelã, ele tem sido considerado uma planta preciosa por mais de 2.500 anos por seus benefícios medicinais com propriedades antioxidante, analgésica e antisséptica.


Seu forte e inconfundível aroma, com sabor amargo suave resulta do seu óleo essencial, composto por linalol, tanino, cervacol e cimeno. A erva também é usada em infusão para tratar problemas como tosse, bronquite e cólicas intestinais.


O antigo povo romano reconhecia essas propriedades do orégano, dinfundindo essa erva por todo o seu império. Hoje é um dos temperos mais utilizados na culinária italiana, compondo molhos de tomate, massas e pizzas. Através da destilação a vapor do orégano, é extraído o óleo essencial, substância volátil responsável por suas propriedades medicinais. Um dos melhores OE para infecção respiratória, potente antibacteriano, com largo espectro de ação, antiviral e fungicida. É imunoestimulando e antioxidante, sendo um aliado para manutenção da saúde no inverno!



Benefícios

  • Trata Infecções Virais e Bacterianas;

  • Trata Dor de Garganta e Amidalite;

  • Trata Infecção por estafilococos resistentes a meticilina;

  • Trata infestação de vermes e parasitas do intestino;

  • Trata Verrugas, calos e aftas;

  • Trata Pneumonia e Tuberculose;

  • Impulsiona a Progesterona;

  • Trata infecções Urinárias;

  • Trata Fungo de Unha,Micoses e Cândida;

  • Trata a Síndrome do Túnel do Carpo e reumatismo;

  • Ajuda a manter a Saúde Emocional



Características Botânicas


“Erva perene, cuja altura pode variar de 25 a 80 cm, pertence à família das Labiadas. O orégano é uma planta herbácea, com raízes na forma de caules subterrâneos (rizomas). Bastante ramificado, produz folhas pequenas, ovais e pecioladas, medindo de 1 a 5 cm. As flores são pequenas e apresentam cores como o púrpura, rosa, branco ou uma mistura delas, surgindo do início do verão até meados do outono. Há regiões no Brasil, entretanto, onde a planta vive vários anos sem nunca produzir flores”. (Jardim de Flores)



Cultivo


“O orégano se propaga pela divisão das touceiras, por estaquia ou por sementes. O plantio deve ser feito em solo leve e rico em matéria orgânica. A planta se desenvolve bem sob sol pleno e precisa de proteção contra ventos fortes e frios”.(Jardim de Flores)



Principais compostos químicos do óleo essencial de orégano

  • Carvacrol: Já foi constatado que impede o crescimento de diversos tipos de bactérias, sendo o fenol mais abundante no óleo essencial de orégano(70%)

  • Timol: É um antifúngico natural, que fortalece o sistema imunológico e o protege contra toxinas.

  • Ácido Rosmarínico: Antioxidante poderoso que protege o corpo contra os radicais livres.

  • Terpenos: Propriedades Antibacterianas

  • Linalol: Responsável pelo bem estar, suavizando ansiedade e estresse(5%).

  • Naringin: impede o crescimento de células cancerígenas e ajuda os outros compostos a produzir mais antioxidantes.

  • Beta-Cariofilina (E-BCP): Anti-inflamatório.(1%)

Outros: Hidrocarboneto monoterpenico: 25% alfa e beta pineno, mirceno, terpineno, peracinemo. Alcool monoterpenico: 1% alfa terpineol



Benefícios do uso do óleo essencial de orégano


“Propriedades emocionais: Antidepressivo e Revigorante. Indicado para fadiga mental e corporal.


Propriedades vibracionais*: Incentiva o bom humor e positividade. Fortalece em momentos de decisão e mudanças. Proporciona força de vontade e impulso para realização e concretização. Incentiva a seguir em frente e superar-se com entusiasmo, criatividade e alegria. Ativa fortemente o 1°,2°, 3° e 4° chakra. No uso histórico, orégano sempre foi atribuído como uma planta símbolo de proteção. Indicado para energizar e proteger ambientes.” (Daiane Petry)


Propriedades físicas: O óleo essencial de orégano apresenta diversas aplicações para melhorar problemas de saúde. Vamos aprofundar em alguns deles para inspirar você a adicionar essa medicina em seu kit de autocuidado, manutenção da saúde e em caso de doenças também.



>> EXPECTORANTE E ANTI-INFLAMATÓRIO


Enquanto os agentes antibacterianos, timol e carvacrol, encontrados no Óleo de Orégano, agem diretamente contra os organismos infecciosos, a sua ação anti-inflamatória ajuda a aliviar a congestão do nariz e das vias respiratórias. É um ótimo anti-inflamatório interno e externo, diminuindo irritações e aliviando a dor.


Ele também serve para aliviar as dores de cabeça devido à congestão nasal e age como expectorante, proporcionando alívio rápido em casos de bronquite e tosse associada.


Atua em inflamações e dores articulares e musculares, em problemas de acne, abscessos e furúnculos.



>> ANTIMICROBIANO


Pesquisam mostram que o óleo de orégano pode ser tão eficiente quanto um antibiótico.


Os componentes bioativos desses condimentos têm atividade antimicrobiana bem documentada, com atividade inibitória contra bactérias Gram positivas e Gram negativas, inclusive SE (LIS-BALCHIN et al., 1998; DELAQUIS et al., 2002; SAGDIÇ; ÖZCAN, 2003, NAZER et al., 2005, SEYDIM; SARIKUS, 2006).


Os óleos essenciais de condimentos podem ter muitos componentes, sendo os compostos fenólicos os principais responsáveis pelas propriedades antimicrobianas. Os compostos fenólicos são hidrofóbicos e o seu sítio de ação é a membrana celular da célula microbiana. Esses compostos se acumulam na bicamada lipídica causando desarranjo na função e na estrutura da membrana e penetram a célula bacteriana, exercendo atividade inibitória no citoplasma celular, provocando lise e liberação do ATP intracelular (WALSH et al., 2003). Outro mecanismo documentado é a perda de constituintes celulares pelo aumento da permeabilidade da membrana citoplasmática (Smith-Palmer; STEWART; FYFE, 1998; CONSENTINO et al., 1999; POL; SMID, 1999; FRIEDMAN; HENIKA; MANDRELL, 2002; Rhayour et al., 2003; YUSTE; FUNG, 2003, NAZER et al., 2005). Os principais componentes antimicrobianos presentes no óleo essencial de orégano (OEO) são o carvacrol e o timol com comprovado efeito inibitório no controle in vitro da multiplicação de Salmonella (RHAYOUR et al., 2003; NAZER et al., 2005; SILVA et al., 2005). No entanto, a eficácia da atividade bactericida de OEO pode variar em função dos teores de timol e carvacrol presentes, que dependem de fatores abióticos como tipo de solo, clima, práticas agrícolas, variedade do orégano e processo de extração do óleo essencial (CONSENTINO et al., 1999; JULIANO; MATTANA; USAI, 2000; FALEIRO et al., 2002; FALCONE et al., 2005; OUSSALAH et al., 2006). Atua como um ótimo conservante natural de alimentos também.



>> ANTIOXIDANTE


Devido a presença de compostos fenólico na sua composição, como o carvacrol e timol, pode ser considerado um potencial agente antioxidante. Diversos estudos indicam um aumento no interesse do potencial desse óleo com finalizade de reduzir ou substituir antioxidantes e conservantes sintéticos, os quais são amplamente utilizados na industria de alimentos. Algumas variáveis como a estabilidade e dificuldade de incorporação devido ao seu caráter hidrofóbico são obstáculos, tendo pesquisa para encapsulação do OE de orégano em sistema nanoemulsionados que viria a contornar esses problemas.



>> INDIGESTÃO


Aquela sensação de estômago pegando fogo, que sobe até o esôfago, arde o peito, chegando até a garganta e incomodando até as costas, causando dor. Um estudo realizado pela Federação Brasileira de Gastroenterologia (FBG), mostrou que mais da metade dos brasileiros sofre com azia, resultando em refluxo. Uma das propriedades do timol, composto do óleo do orégano, está a de relaxar os tecidos da garganta e do estômago, aliviando a azia e auxilia em outros problemas gastrointestinais, sendo tão eficaz quanto um antibiótico.



>> COLESTEROL

Devido ao Carvacrol e Timol, foi mostrado em pesquisas que o óleo de orégano aliada a uma boa dieta e prática de exercícios físicos pode ajudar a diminuir o LDL (colesterol ruim).

Foi feito um estudo em ratos onde foi induzida uma dieta rica em gordura por 8 semanas. Foi observado que os ratos que receberam carvacrol apresentam o LDL mais baixo em comparação aos que somente receberam a dieta rica em gordura.

Também foi feito um estudo onde orientaram 50 pessoas sobre como fazer reeducação alimentar e a importância de se praticar atividade física para se manter saudável com objetivo de ajudar essas pessoas a reduzir o colesterol. Dessas 50 pessoas, metade recebeu após cada refeição, 25 ml de óleo de orégano durante 3 meses.

O resultado da pesquisa mostrou que os que receberam o óleo essencial conseguiram reduzir o LDL (colesterol ruim) e aumentar o HDL (colesterol bom) comparado aos que somente fizeram dieta e atividade física.



>> FUNGICIDA

Os fungos podem ser inofensivos mas seu crescimento excessivo pode resultar em infecções como aftas e problemas intestinais como a doença de Crohn e colite ulcerativa.

Um dos mais comuns é a Candida, que tem algumas variações em todo o mundo e é a causa mais comum de infecções.Pesquisas em laboratório mostraram que o óleo de orégano é o mais eficaz dentre os outros testados contra cinco tipos diferentes de Candida devido ao carvacrol.



>> CICLOS FEMININOS


O orégano é considerado um emenogogo natural ativo,isso quer dizer que induz a mestruação, induzindo contrações no útero e corrigindo ciclos irregulares.

Por essa razão, também pode retardar os efeitos da menopausa e prevenir a menopausa prematura que ocorrem devido a ciclos mestruais irregulares


Quem sofre com cólicas menstruais ou escassez do fluxo menstrual, pode usar o oleo de Orégano para aliviar as dores e sintomas indesejados, já que ele estimula o fluxo sanguíneo na área pélvica e induz as contrações uterinas, facilitando a saída do sangue.



>> SAÚDE INTESTINAL


Sintomas como inchaço, diarreia e dor são comuns e podem ser causados por parasitas intestinais.

Foi feito durante 8 semanas um estudo onde foi administrado 500 mg para 15 pessoas que tinham os sintomas de parasistas no intestino.

Após o tratamento todos tiveram redução dos parasitas e quase 80% ficaram completamente curados, aliviando cansaço e inchaço associado aos sintomas.

Também foi feito um estudo sobre a Síndrome do Intestino Permeável, que acontece quando a parede do intestino é danificada, permitindo que toxinas e bactérias passem para a corrente sanguínea. O óleo de orégano não só protegeu a parede do intestino como reduziu significamente a quantidade da bactéria E.coli .



Sugestão de receitas Boaformula


Inalado: Use o óleo essencial como vapor para infecções respiratórias, alergias, sinusite,tosse, asma e bronquite.


Sinergia Terraflor: Difusão antisséptica aérea: adicione 5 gotas de OE de orégano, 3 gotas de OE lavanda francesa, 3 gotas de OE de eucalipto globulus e 2 gotas de OE de lemon Grass no difusor de ambiente.


Vaporização para soltar Catarro: adicione 2 gotas de OE de orégano, 3 gotas de OE de melaleuca, 3 gotas de OE de hortelã pimenta e 2 gotas de OE eucalipto globulus em uma bacia de água quente. Cubra a cabeça e respire ate a água esfriar.


Aplicação na pele: Para condições da pele ou infecções, dilua com óleo carreador a uma concentração de 1 colher de chá (5 ml) de carregador por gota de óleo de orégano, depois aplique na área afetada. Use para:

  • Herpes;

  • Fungo de unha;

  • Acne;

  • Rosácea;

  • Verrugas;

  • Psoríase;

  • Caspas;

  • Picadas de insetos;

  • Dor de ouvido. (No caso do ouvido, nunca colocar internamente, e sim na parte de fora, atrás do ouvido, mesmo diluído).

  • Cólica


Massagens: Outra forma tópica de se usar o óleo de orégano é em massagens, misturado a um óleo básico( óleo de abacate, óleo de chia, óleo de linhaça, óleo de semente de uva, etc) ou a um creme hidratante – esta formulação é adequada para ajudar nos processos de expectoração (massagear a região toráxica e garganta), processos de inflamação muscular (massagear a região dolorida).


Banho de imersão, banho de cheiro ou água de enxágue: Também se pode acrescentar óleo de orégano ao banho de imersão, ao banho de cheiro (caso você não tenha banheira, acrescente umas gotas à última água de enxágue do seu corpo).



Contra indicação


Mesmo sendo substâncias naturais, os óleos precisam ser usados com cuidado, especialmente por grávidas, lactantes, crianças e idosos, sempre sob orientação de um profissional especializado. Dermoagressivo, diluir em óleo vegetal. Se utilizado puro sobre a pele, pode provocar ardência, vermelhidão ou irritação.

A sua saúde em boas mãos.

Fonte: Articulista Natália F. Jonas (Instagram @nfeksa)

Fale Conosco

 

WhatsApp:  (51) 99702.5060

                  

                   

Fones:        (51) 3095.2001

                   (51) 3311.7898

                   (51) 3311.1144

 

Horário de Funcionamento

Segunda à Sexta

8:30 às 18:00

Sábado

9:00 às 13:00

Redes Sociais

  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone Blogger

Orçamentos por e-mail

envie a sua fórmula aqui:

 

 

Contato com Equipe de Vendas

boaformula@boaformula.com.br

 

Sugestões, Reclamações e Dúvidas

sac@boaformula.com.br

Venha Trabalhar Conosco!

trabalheconosco@boaformula.com.br

Endereço

Boaformula Farmácia de Manipulação

Av. Independência, 1163

Bairro Independência

Porto Alegre - RS - Brasil

CEP 90035-077

Advertência:
• Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado.
• Imagens ilustrativas.
• Pessoas com hipersensibilidade à(às) substância(s) não devem ingerir o produto.
• Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o médico.
• Não use o medicamento com o prazo de validade vencido.
• Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da   luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.
• Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças.
• Este medicamento não deve ser utilizado por gestantes e lactantes. 
• Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica.
• Os resultados dependem da correta utilização do produto, conforme descrito na posologia.
• Se persistirem os sintomas, o médico deverá ser consultado.

Venda mediante prescrição do profissional habilitado
As informações acima são de caráter informativo sem intenção de induzir a automedicação, não se trata de propaganda e sim descrição do produto, consulte sempre um profissional habilitado. 
O estabelecimento farmacêutico deve assegurar ao usuário informação e orientação quanto ao uso dos medicamentos solicitados por acesso remoto. RDC 44 de 17 de agosto de 2009, Artigo 58.

Boaformula

Farmácia de Manipulação e Suplementos Nutricionais

A sua saúde em boas mãos.

Porto Alegre | RS

CNPJ 94.629.169/0002-30