Chronic® | No sistema articular




IMPORTÂNCIA DAS ARTICULAÇÕES NA QUALIDADE DE VIDA


O sistema articular é de fundamental importância na movimentação, flexibilidade e dissipação de energia, através da integração e comunicação entre ossos e músculos. Fatores de risco como gênero, idade, trauma, genética, esforço articular e obesidade contribuem para iniciar o processo de lesão nos diferentes componentes da articulação.


As articulações, também conhecidas como juntas, fazem os ligamentos entre os ossos, e nos permitem a movimentação, reduzindo o atrito, protegendo de lesões ósseas durante atividades de alto impacto. A degeneração da matriz articular e óssea, ocorre devido ao aumento do estresse oxidativo que leva à senescência prematura e morte celular, inflamação, diminuição da síntese de colágeno, degeneração, lesões e rupturas da cartilagem que podem progredir a degeneração generalizada do tecido, juntamente com intensa dor nas articulações e rigidez, podendo levar a complicações sistêmicas.


Essas alterações promovem o desenvolvimento de diversas doenças, entre elas, a osteoartrite, causada pelo desgaste da cartilagem articular e alterações ósseas, e a artrite reumatóide, uma doença sistêmica inflamatória crônica de etiologia autoimune. Essas doenças começam em torno dos 50 anos e causam dor, incapacidade e alto custo socioeconômico, diminuindo a capacidade funcional e a expectativa de vida.



ALGUMAS DOENÇAS ARTICULARES


As doenças articulares conhecidas como artrites, entre elas as mais comuns são a osteoartrite, também chamada de artrose, em que há uma degeneração das cartilagens acompanhada de alterações das estruturas ósseas vizinhas, e a artrite reumatoide, uma doença inflamatória que afeta as membranas sinoviais, articulações e outros tecidos.



Outra doença menos comum é a artrite psoriática, uma doença inflamatória auto-imune que afeta as articulações e a pele, devido ao quadro de psoríase. Ainda que afetem algumas estruturas diferentes, essas alterações tem em comum o quadro inflamatório crônico que acomete as articulações.



COMO O CHRONIC® PODE AJUDAR?


Chronic® pode ser um ótimo aliado na diminuição e na prevenção de dores articulares. Isso porque ele tem dois ativos importantes em sua composição: o geranilgeraniol e o delta tocotrienol:


• inibe a inflamação crônica;

• Diminui o acúmulo de radicais livres nas articulações;

• Fortalece as articulações devido ao esttímulo da produção de colágeno e vitamina K2



Atua como agente terapêutico anti-artrítico a longo prazo, na terapia da artrite reumatoide e potencialmente retarda a progressão da osteoartrite.


O Tocotrienol, um dos componentes do Chronic®, age inibindo a produção de citocinas inflamatórias, diminui a proliferação e a infiltração de células T, a ativação de macrófagos e fibroblastos sinoviais, e, além disso, reduz os radicais livres, aumentando a produção de enzimas antioxidantes, evitando, portanto, o desgaste da cartilagem e a progressão e agravo da doença.


Esse componente tão relevante no universo musculoesquelético, também promove síntese e manutenção do colágeno III, modulando a expressão genica do colágeno do tipo I, essencial para reparar a força nos tendões, fortalecer as articulações promovendo a manutenção do colágeno tipo II, componente majoritário das cartilagens que atua como amortecedor e lubrificante, além de impedir a degradação dessa proteína.


O Geranilgeraniol, por sua vez, além de diminuir a inflamação por supressão da ativação do fator de transcrição NF-KB e mRNA e da expressão de seus genes-alvo pró-inflamatórios, regula negativamente a diferenciação e atividade dos osteoclastos, induzida por RANKL, que promovem desgaste ósseo e acelera a progressão da doença. Também contribui na síntese do colágeno do tipo I, via ativação de RhoA/ ROCK, e participa a biossíntese de vitamina K (MK4). A vitamina K atua modulando a patogênese, pois ela aumenta a viabilidade dos condrócitos, células presentes no tecido cartilaginoso, por meio da regulação da expressão de genes, diminuindo a prevalência de estreitamento do espaço articular e por consequência, a prevalência e incidência das doenças articulares.


O Chronic® também promove a modulação dos genes responsáveis pela síntese e manutenção do colágeno do tipo I e III, essencial para reparar a força nos tendões e fortalecer as articulações, além de promover a manutenção do colágeno tipo II, componente maioritário das cartilagens que atua como amortecedor e lubrificante, impedindo o estresse oxidativo e a inflamação.



Ele ainda atua protegendo as articulações através da produção de vitamina K2, já que o geranilgeraniol compõe a cadeia dessa vitamina, que mostra efeito positivo, através da modulação de genes que aumentam a viabilidade das células presentes no tecido cartilaginoso, os condrócitos. E, portanto, diminui a prevalência de estreitamento do espaço articular e com menor prevalência de ocorrer osteoartite. Além disso, a vitamina K2 atua de modo não competitivo com o geranilgeraniol e sim sinergicamente.



DOSAGEM USUAL



SAIBA MAIS SOBRE O CHRONIC® AQUI.


Fonte: Material do Fornecedor | Ages Compostos Bioativos

212 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo