Fevereiro Roxo e Laranja | Lúpus, Mal de Alzheimer, Fibromialgia e Leucemia.



Durante esse mês, as cores roxo e laranja foram utilizadas para conscientizar as pessoas sobre o combate à algumas doenças específicas, reforçando a importância de manter os exames em dias para garantir saúde e bem-estar.


Fevereiro Roxo


A cor roxa foi escolhida para a conscientização ao combate de Lúpus, Mal de Alzheimer e Fibromialgia. Esse trio composto por duas doenças autoimunes e uma degenerativa possuem um fator em comum: a falta de cura. Por isso a campanha reforça a importância do diagnóstico precoce para se manter a qualidade de vida do paciente, com o slogan "Se não houver cura que, no mínimo, haja conforto."


Lúpus


É uma doença autoimune. Isso significa que o sistema imunológico passa a atacar os órgãos como se fossem inimigos. Pode atingir pele, articulações, rins, coração e cérebro. Os sintomas mudam de acordo com o órgão afetado, mas em geral começam com alterações na pele. Os mais comuns são:

  • Maior sensibilidade à luz do sol;

  • Surgimento de manchas e placas avermelhadas na pele.


Alzheimer


Com o passar dos anos, os neurônios vão morrer naturalmente. Infelizmente, essas células não são renováveis. Não se sabe por que em algumas pessoas esse processo de falência dos neurônios é mais acelerado. O aumento da expectativa de vida tornou a doença mais evidente, mas há registros de Alzheimer desde 1906. Os sintomas costumam aparecer a partir dos 60 anos, mas há casos precoces da doença. Os mais comuns são:

  • Esquecimentos constantes, principalmente de acontecimentos recentes – data de vencimento das contas, horário dos remédios, apagar a luz ou esquecer as chaves e a carteira, por exemplo;

  • Fala descoordenada;

  • Restrições cognitivas;

  • Episódios de confusão mental.


Fibromialgia


Atinge mais as mulheres, principalmente entre os 30 e 60 anos, mas pode surgir também na infância e na adolescência, especialmente se há outros casos na família.


Os sintomas são comuns a diversas outras doenças, o que pode dificultar o diagnóstico, só o médico poderá fecha-lo. Porém, os sintomas mais presentes são:

  • Dor muscular crônica;

  • Fadiga;

  • Alteração no sono, humor e até na memória.


Fevereiro Laranja


Já a cor laranja foi incluída na campanha de Fevereiro para conscientizar a população sobre um dos tipos mais graves de câncer, a Leucemia. Doença maligna dos glóbulos brancos, geralmente de origem desconhecida.


Principais Sintomas

Sensação de fraqueza ou cansaço. Dor de cabeça. Sangrar e fazer nódoas negras (hematomas) facilmente: gengivas que sangram, manchas arroxeadas na pele, ou pequenas pintas vermelhas sob a pele. Dor nos ossos e articulações.


A campanha também conversa sobre a importância da doação da medula óssea. A cada 100mil pacientes apenas um doador é compatível, entende-se então que quanto maior o número de doadores, melhor será a probabilidade de compatibilidade entre as pessoas. Dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA) apontam que em 2019 a leucemia teve mais de 10mil novos casos no Brasil.


A importância do diagnóstico precoce


Felizmente, hoje já se pode afirmar que o diagnóstico não é mais uma implacável sentença de morte. Saber da doença é o primeiro passo para buscar aliviar os sintomas e, em alguns casos, controlar o seu avanço, elevando a qualidade de vida do paciente.


Para isso, o diagnóstico precoce é fundamental. Quanto mais cedo se inicia o tratamento, mais eficiente ele será. O impacto da doença sobre o organismo ainda estará em estágios iniciais e o corpo tem mais chances de lutar e resistir.


Pode-se dizer que há muita vida depois do diagnóstico inicial, mesmo para doenças incuráveis. O segredo, claro, é adotar um estilo de vida saudável e também não descuidar da saúde. É preciso estar atento às alterações do corpo e buscar ajuda médica assim que notar alguma mudança. Você começou a emagrecer sem qualquer motivo? Sente cansaço mesmo depois de uma boa noite de sono? Pode não ser nada, mas pode ser uma doença incurável em estágio inicial.



Prevenção


Infelizmente, não existem formas conhecidas para se prevenir da fibromialgia, do lúpus e da leucemia. Porém, a ciência moderna especula sobre diversos fatores de risco a respeito da doença de Alzheimer, o que nos permite a chegar a algumas dicas de prevenção dessa doença.

Mas o que se sabe é que ter hábitos de vida saudáveis e cuidar do corpo e da mente são as melhores opções de prevenir essas doenças. Por isso, o ideal é:

  • Manter uma alimentação saudável e colorida;

  • Praticar exercícios físicos regularmente;

  • Abandonar hábitos não saudáveis, como fumar e beber;

  • Fazer exercícios que estimulem a cognição, como palavras-cruzadas;

  • Cuidar da saúde emocional;

  • Manter uma rotina de lazer diariamente;

  • Fazer exames de rotina.


Pensando nisso, hoje separamos alguns ativos específicos

para se manter a saúde neurológica em dia!


>> Niagen


Principais benefícios:

  • Longevidade: Eficaz em aumentar os níveis de NAD+ (aumento de 33% em 8 horas), mas também foi o mais eficaz em ativar as proteínas promotoras da longevidade chamadas sirtuínas.

  • Efeito Neuroprotetor: Melhora a função cognitiva e protege contra a degeneração axonal associada ao envelhecimento.

  • Desempenho atlético e metabólico: Aumento da perfomance esportiva devido a maior resistência pela melhora da função mitocondrial e da taxa de troca respiratória (RER). Niagen® fornece aumento de energia celular sem causar efeitos colaterais e pode fomentar o consumo de calorias favorecendo a termogênese e a queima de gordura corporal. É capaz de mimetizar os efeitos da restrição calórica sobre o organismo.

Concentração recomendada: 100-300mg/dia.

Para saber mais acesse aqui.



>> Fosfatidilserina


A fosfatidilserina é um composto derivado de um aminoácido que é encontrado em grandes quantidades no cérebro e no tecido neural, já que faz parte da membrana celular. Por este motivo, pode contribuir para a função cognitiva, principalmente em idosos, ajudando a melhora a memória e a atenção.


Influencia diretamente os parâmetros do metabolismo cerebral alterados durante o processo de envelhecimento. Sendo assim, é indicado nas síndromes de deterioração cognitiva pré-senil e senil primárias e secundárias.



>> Bacopa


A Bacopa se mostrou eficiente nos tratamentos referentes a transtornos de memória, ansiedade, fadiga mental e tônico para os nervos. A Bacopa monnieri, também chamada de Brahmi, é uma plantinha rasteira da família Scrophulariaceae, com pequenas flores brancas ou violetas, cujas qualidades curativas e usos vem descritas nos textos clássicos da Medicina Ayurvédica. Esta planta é encontrada em todo o subcontinente indiano até os 1320 metros de altitude.


  • Melhora o desempenho cognitivo;

  • Reduz os níveis de ansiedade e fadiga mental;

  • Tônico para o sistema nervoso;

  • Auxilia nos casos de asma e problemas nos brônquios;

  • Contribui no tratamento contra a depressão e níveis de estresse.



>> Gingko Biloba


O Ginkgo biloba é uma planta medicinal ancestral da China que é bastante rica em flavonóides e terpenóides, tendo assim uma forte ação anti-inflamatória e antioxidante.

Os extratos feitos com esta planta parecem possuir vários benefícios para a saúde que estão relacionados, principalmente, com a melhora do fluxo sanguíneo arterial, cerebral e periférico. Devido à sua ação especialmente marcada na estimulação cerebral, o Ginkgo é conhecido como um elixir natural para a saúde mental.

Principais benefícios:

  • Melhora o rendimento cerebral e a concentração;

  • Evita a perda de memória;

  • Combate a ansiedade e depressão;

  • Melhora a saúde dos olhos;

  • Regula a pressão arterial;

  • Melhora a saúde do coração;

  • Aumenta a libido.


>> Noopept


Devido ao seu efeito sobre o sistema glutamatérgico, as utilizações da Noopept são focadas no funcionamento cognitivo e na saúde do cérebro. Noopept tem os seguintes benefícios:

  • Formação de memória melhorada;

  • Recuperação mais rápida de memória ;

  • Aprendizado e retenção aprimorados de informações;

  • Foco aprimorado e aumento da capacidade de atenção;

  • Claridade de pensamentos;

  • Maior motivação;

  • Melhoria da energia mental e produtividade;

  • Estresse reduzido;

  • Noopept também pode promover a saúde do cérebro, protegendo os neurônios, melhorando a comunicação entre as sinapses e até mesmo o combate ao estresse oxidativo.

Concentração recomendada: 10 a 30 mg ao dia

Para saber mais, acesse aqui.



>> Melatonina


A melatonina faz mais do que ajudar você a ter um bom sono. O hormônio também é um antioxidante